F1: Alonso diz que se sente com 25 anos antes de completar 40 na Hungria

Espanhol falou sobre como acidente antes da temporada o atrapalhou nas primeiras corridas do ano

F1: Alonso diz que se sente com 25 anos antes de completar 40 na Hungria

Fernando Alonso dá poucos sinais de querer se tornar o último piloto da Fórmula 1 com mais de 40 anos. O espanhol vai comemorar aniversário nesta quinta-feira (29) em Hungaroring, juntando-se a Kimi Raikkonen, de 41 anos, como o único outro piloto no grid a correr com mais de 40.

O bicampeão mundial conquistou seu primeiro título aos 24 anos em 2005, e voltou ao grid com a Alpine este ano depois de duas temporadas fora correndo em carros esportivos, Indy e Dakar.

Leia também:

Surgiram dúvidas sobre a forma física de Alonso depois que um acidente de ciclismo na pré-temporada o deixou com uma fratura na mandíbula superior, agindo como um revés para seus preparativos para voltar ao grid.

Mas o espanhol recentemente alcançou seu ritmo depois de inicialmente ter demorado para voltar à velocidade na F1, marcando pontos em cada uma das últimas cinco corridas.

Questionado sobre sua primeira corrida aos 40 anos na Hungria neste fim de semana, Alonso brincou que iria raspar a barba e fazer outros preparativos “para que você não pergunte sobre a idade”.

“Vou para o bronzeamento, fazer a barba e vou parecer muito jovem!” disse Alonso. “Vai ser uma corrida muito normal, nenhuma mudança para mim. Eu me sinto bem.”

“Sinceramente, depois do acidente no início do ano, nas primeiras duas corridas, ainda havia parte do estresse de voltar ao esporte. Eu estava preocupado com a mandíbula, com o ombro também, que eu tinha um ferimento pequeno.”

“Mas agora, estou super fit e estou a 200%. Então, você sabe, Hungria é normal. Vamos comer um pouco de bolo. Mas, fora isso, vai ser um fim de semana muito normal.”

“Me sinto com 25. Portanto, seja qual for o número que diz no passaporte, não é o que eu sinto.”

Alonso deve passar por uma nova cirurgia na mandíbula após o término da temporada de 2021 para remover duas placas de titânio que foram colocadas no lugar.

ANÁLISE F1 - TRETAS de Hamilton: como Verstappen fica entre RIVAIS de Lewis? Acima de Alonso e Nico?

Como fica campeonato após guerra declarada entre Verstappen e Hamilton?

 

.

 

 

 

 

 

compartilhar
comentários
RETA FINAL: Mais batidas de Verstappen e Hamilton, mudanças no calendário e GP da Hungria

Artigo anterior

RETA FINAL: Mais batidas de Verstappen e Hamilton, mudanças no calendário e GP da Hungria

Próximo artigo

F1: De Vries está 'na pole' por vaga na Williams em 2022, mas depende de ida de Russell para Mercedes

F1: De Vries está 'na pole' por vaga na Williams em 2022, mas depende de ida de Russell para Mercedes
Carregar comentários