Análise técnica de Giorgio Piola
Assunto

Análise técnica de Giorgio Piola

F1: Entenda a extensão dos danos no carro de Verstappen após a batida na Hungria

Matt Somerfield e Jonathan Noble explicam como o carro do holandês foi afetado no 'strike' da primeira curva e o que a Red Bull pôde fazer

F1: Entenda a extensão dos danos no carro de Verstappen após a batida na Hungria

O chefe da Red Bull, Christian Horner, brincou após o GP da Hungria de Fórmula 1 que Max Verstappen havia ficado com menos downforce que a Haas de Mick Schumacher após o 'strike' de Valtteri Bottas na primeira curva.

E apesar da bandeira vermelha oferecer à Red Bull a chance de fazer reparos, que incluem encher buracos de fita e desentortar canos, no final, alguns danos não tinham como ser consertados antes do reinício da corrida.

Leia também:

"Era demais", disse Horner.

Mas enquanto longe das câmeras de televisão o RB16B de Verstappen não parecia tão ruim assim, foi apenas após a corrida que pudemos ver a extensão do que o holandês teve que batalhar.

Uma intrigante foto postada no perfil oficial da Fórmula 1 no Instagram destacou como que Verstappen correu sem boa parte dos componentes aerodinâmicos no lado direito do carro.

 

A escala dos danos reforçaram sugestões de que, sem as oportunidades oferecidas pela bandeira vermelha, Verstappen certamente seria obrigado a abandonar. Horner indicou que os danos internos ao sistema de resfriamento localizado no sidepod seriam um fator determinante nisso.

"As temperaturas estavam extremas e eles tiveram que endireitar canos e consertar o lado direito o máximo possível com tempo muito limitado".

Esse cenário levanta ainda mais questões sobre o estado do motor de combustão interna, algo que a Honda avaliará durante a pausa de verão.

Apesar de não ter preocupações imediatamente após a corrida, não é impossível que a batida tenha implicações de longo prazo na situação de sua unidade de potência, uma nova que havia sido colocado na manhã da corrida após a Honda descobrir um rachado no motor que o holandês inicialmente usaria.

O trabalho dos mecânicos no reparo

O foco da Red Bull em consertar o sistema de refrigeração e a tubulação teve um grande impacto no quanto eles puderam mexer na carenagem, com apenas o corpo do sidepod sendo substituído, já que havia sido furado no incidente.

O divisor e o assoalho só puderam ser segurados, amarrados e passado fita nas bordas. Os demais elementos do bargeboard e do defletor do sidepod foram reduzidos para que não desintegrassem.

Red Bull Racing RB16B missing barge board

Red Bull Racing RB16B missing barge board

Photo by: Giorgio Piola

Para dar uma ideia do trabalho que foi realizado durante a bandeira vermelha, o setor vermelho mostrado na ilustração acima não existia quando o carro chegou no pitlane, mas a área em amarelo precisou ser removida e a borda do defletor corrigida com fita.

Como sabemos, essa área do carro é muito sensível e oferece uma grande quantidade de performance, com as equipes constantemente atualizando a área do bargeboard, assoalho e defletores do sidepod.

Perder tanto do carro não apenas remove um downforce necessário como também torna a pilotagem muito instável, como descrito por Verstappen.

"Os mecânicos fizeram o que eles puderam para me manter na corrida, mas eu estava carregando muitos danos no carro após o incidente e foi muito difícil de pilotar", disse. "Eu saía de frente, de traseira, por causa da perda de downforce".

E enquanto Verstappen possa ter ficado desapontado por se recuperar para apenas o décimo lugar, nono dependendo do resultado do recurso de Sebastian Vettel, no final dessa batalha ele sabe que um único ponto pode fazer a diferença na definição do campeão.

Max Verstappen, Red Bull Racing RB16B

Max Verstappen, Red Bull Racing RB16B

Photo by: Red Bull Content Pool

F1 2021: Hamilton MAL, mas na PONTA, Verstappen VIVO com carro ESTROPIADO e mais | RETA FINAL

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Como Verstappen se encaixa entre rivais históricos de Hamilton?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Entenda como seria a relargada na Hungria se Hamilton também tivesse entrado nos boxes

Artigo anterior

F1: Entenda como seria a relargada na Hungria se Hamilton também tivesse entrado nos boxes

Próximo artigo

F1: Masi explica advertência a Vettel por camisa em apoio à causa LGBTQIA+

F1: Masi explica advertência a Vettel por camisa em apoio à causa LGBTQIA+
Carregar comentários