F1 - Hamilton: "Nunca me senti tão bem recebendo vaias"

Pole na Hungria, heptacampeão destaca tentativa final do Q3 em que atrasou Verstappen e Pérez e parabenizou trabalho em equipe.

F1 - Hamilton: "Nunca me senti tão bem recebendo vaias"
Apesar de Lewis Hamilton conquistar a sua pole número 101 na Hungria, o que ele recebeu da torcida foram vaias. Mas pelo que o heptacampeão falou na entrevista após o treino classificatório, isso não o afetou. Hamilton diminuiu a velocidade na última curva e Verstappen, que vinha atrás, não fez uma boa volta no fim.
 
"É, foi uma volta incrível aquela última. Eu acho que foi um trabalho em equipe fantástico de todos neste final de semana, incluindo o Valtteri, tentando forçar o melhor do carro, evoluindo constantemente. Os rapazes na fábrica não deixaram nenhuma ponta solta. Então foi fantástica ver todo mundo se unindo e trabalhando para forçar o limite. Eu fico bem feliz com o suporte que tenho aqui. Honestamente, eu nunca me senti tão bem recebendo vaias. Na verdade até me motivam, então eu nem ligo", disse o inglês.
 

Leia também:

 
Sobre as escolhas dos pneus médios, Hamilton declarou o seguinte: "eu acredito que os pneus macios só valem por volta de uns 5 metros até a curva um, então temos uma grande distância até a primeira curva. É, é uma surpresa ver que todos atrás de nós estão de macios. Veremos. [...]. Espero que o clima amanhã esteja bom para todo mundo amanhã [...]."
 

 

compartilhar
comentários
F1 - Verstappen: "Estávamos atrás durante todo o fim de semana"

Artigo anterior

F1 - Verstappen: "Estávamos atrás durante todo o fim de semana"

Próximo artigo

F1: Bottas diz que perdeu ritmo no Q2 e que batalha de pneus será desafiadora

F1: Bottas diz que perdeu ritmo no Q2 e que batalha de pneus será desafiadora
Carregar comentários