Recordes de Schumi e Barrichello e paciência de Verstappen: o que está em jogo no GP da Rússia de F1?

Corrida deste domingo em Sochi pode entrar para a história da categoria máxima do automobilismo mundial

Recordes de Schumi e Barrichello e paciência de Verstappen: o que está em jogo no GP da Rússia de F1?

Depois de duas corridas malucas nos GPs de Itália e Toscana, a Fórmula 1 desembarca em Sochi neste fim de semana para a disputa da 10ª etapa da temporada 2020 com o GP da Rússia, que pode consagrar novos recordistas.

O editor recomenda:

Britânico da Mercedes, Lewis Hamilton pode igualar o alemão Michael Schumacher como maior vencedor da história da categoria. Já o finlandês Kimi Raikkonen, da Alfa Romeo, pode empatar com o brasileiro Rubens Barrichello como o piloto com mais largadas na F1.

Mas a possível quebra de recordes não é o único atrativo. Também é importante observar o holandês Max Verstappen, que não terá mais atualizações da Honda e abandonou as últimas 2 provas por problemas no motor de sua Red Bull. Veja o que está em jogo no GP da Rússia:

*Os horários das atividades de pista e dos programas do Motorsport.com você vê mais abaixo

O 'posto' de maior vitorioso da F1

 

Caso triunfe em Sochi, Hamilton subirá no lugar mais alto do pódio pela 91ª vez, igualando a marca de Schumacher. O bom para o britânico é que a Mercedes sempre venceu em Sochi. Mas ele terá a concorrência do companheiro finlandês Valtteri Bottas, que vai bem na Rússia.

O 'posto' de piloto com mais largadas na F1

 

Campeão mundial de 2007, Raikkonen estreou na categoria no GP da Austrália de 2001 pela Sauber e deve fazer sua 322ª largada na F1 pela 'mesma equipe', já que a Alfa Romeo opera a estrutura do antigo time em Hinwil. Não à toa, a escuderia tem bandeira suíça na elite do esporte a motor mundial. Já Barrichello debutou no GP da África do Sul de 1993, pela Jordan, e fez sua última corrida no GP do Brasil de 2011, pela Williams.

Paciência de Verstappen

 

Após abandonar no GP da Itália, o holandês voltou a ser vítima do motor no GP da Toscana e disparou contra a Honda. Por isso, já se especula que o piloto pode deixar a Red Bull no fim de 2021. Mais uma falha da unidade de potência pode terminar o pavio de Verstappen de vez.

Consolidação de Albon

Alex Albon, Red Bull Racing

Alex Albon, Red Bull Racing

Photo by: Andy Hone / Motorsport Images

Depois de toda a pressão sofrida nesta temporada, Alex Albon finalmente 'desencantou' e conquistou seu primeiro pódio na F1 na última corrida. Agora, o tailandês da Red Bull precisa capitalizar o momento para afastar os rumores de um rebaixamento para a AlphaTauri.

Futuro de Pérez

 

Após ter sua saída da Racing Point anunciada para o fim de 2020, Sergio Pérez deve conseguir uma vaga na Haas. O negócio tende a ir adiante, mas, para garantir o acordo, o mexicano precisa mostrar sua consistência. Ele pontuou em todos os GPs do ano. Bom presságio.

Todas as notícias sobre o GP da Rússia de F1 você acompanha no site do Motorsport.com e em nosso canal no YouTube. Fique por dentro de todas as novidades e análises, além de conferir nossos programas e vídeos! Veja abaixo os horários da etapa de Sochi:

Sessão Dia Horário (Brasília) Transmissão
Treino Livre 1 Sexta-feira 5h SporTV 2
Treino Livre 2 Sexta-feira 9h SporTV 2
Treino Livre 3 Sábado 6h SporTV 2
Treino Classificatório Sábado 9h SporTV 2
Corrida Domingo 8h10 Globo
       
Fórmula 2      
Corrida 1 Sábado 4h15 YouTube da F1
Corrida 2 Domingo 4h55 YouTube da F1
       
Programas no YouTube do Motorsport.com Dia    
DIRETO DO PADDOCK Quinta-feira 14h  
SEXTA-LIVRE Sexta-feira Após o TL2  
Q4 Sábado Após a classificação  
PÓDIO Domingo Após a corrida  
RETA FINAL Segunda-feira 19h  

Como Lawrence Stroll passou de 'papai de piloto pagante' a homem-forte na F1? Veja

PODCAST: Qual é o limite de Max Verstappen na Red Bull?

 

.

compartilhar
comentários
Designer australiano cria desenhos de uniformes de futebol com equipes da F1
Artigo anterior

Designer australiano cria desenhos de uniformes de futebol com equipes da F1

Próximo artigo

F1: Alonso se coloca "disponível para tudo" que a Renault precisar em 2020

F1: Alonso se coloca "disponível para tudo" que a Renault precisar em 2020
Carregar comentários