Indy 500: Kanaan lamenta terminar fora do top-10 em Indianápolis

Piloto brasileiro chegou à nona colocação na prova, mas teve que diminuir o ritmo após a última parada por conta de combustível

Indy 500: Kanaan lamenta terminar fora do top-10 em Indianápolis

Vencedor das 500 Milhas de Indianápolis de 2013, Tony Kanaan ficou surpreso com a queda de desempenho que o tirou dos 10 primeiros colocados na 104ª edição da corrida no domingo passado. 

O brasileiro teve indiscutivelmente os ganhos mais impressionantes de um piloto da Chevrolet na maior parte da corrida, subindo do 23º lugar no grid para o top-10 na volta 125. As famosas relargadas do veterano e o bom trabalho da equipe de pit stop do carro #14 o viram correndo em nono até fazer sua parada final na volta 168.

Leia também:

No entanto, Kanaan teve que diminuir drasticamente o ritmo nas últimas 30 voltas para chegar ao final com combustível e assim caiu para 19º e uma volta atrás.

“Não sei o que dizer”, disse Kanaan, cujas corridas finais fora da Indy acontecerão neste final de semana em Gateway. “Tínhamos um carro sólido, conseguimos muitas posições na pista e também nas paradas. Fomos da 23ª para a oitava posição, acredito.”

“Mas, no final, tive de acertar um número de combustível para chegar à bandeira quadriculada e, para isso, tive que deixar muitos carros passarem."

“Eu realmente acredito que tivemos um carro de top-10. Corremos lá a maior parte da corrida e é simplesmente decepcionante que tivemos que nos contentar com o 19º.”

RETA FINAL: A Williams após a venda, os fiascos e destaques da Indy e as brigas de MotoGP e Stock Car

 

 

 

compartilhar
comentários
Vencedor das 500 Milhas, Sato revela que quase ficou sem combustível
Artigo anterior

Vencedor das 500 Milhas, Sato revela que quase ficou sem combustível

Próximo artigo

Indy: Dixon segura Sato no final e vence em Gateway

Indy: Dixon segura Sato no final e vence em Gateway
Carregar comentários