Lorenzo: "diferença para Marquez poderia estar muito pior"

Atual campeão disse que, apesar de duas corridas ruins, sua diferença para o líder não é um grande problema

Lorenzo: "diferença para Marquez poderia estar muito pior"
Jorge Lorenzo, Yamaha Factory Racing
Jorge Lorenzo, Yamaha Factory Racing just before Andrea Iannone, Ducati Team crashes in to him
Jorge Lorenzo, Yamaha Factory Racing
Jorge Lorenzo, Yamaha Factory Racing
Jorge Lorenzo, Yamaha Factory Racing
Podium: second place Marc Marquez, Repsol Honda Team
Marc Marquez, Repsol Honda Team
Jack Miller, Marc VDS Racing Honda
Jorge Lorenzo, Yamaha Factory Racing
Jack Miller, Marc VDS Racing Honda and Marc Marquez, Repsol Honda Team

Jorge Lorenzo foi atingido por Andrea Iannone na Catalunha quando ocupava a quinta posição e conseguiu, a duras penas, manter o décimo lugar em Assen.

Quando perguntado se essas duas últimas provas foram desastrosas para suas esperanças de título, o espanhol disse: "poderia ser muito pior. Pelo menos conseguimos seis pontos aqui [em Assen]."

"Tenho 18 pontos a mais que Rossi, que é o terceiro, e eu poderia diminuir um pouco a diferença para o líder, mesmo com Marquez terminando em segundo."

"Antes de Le Mans, acho que eu tinha 19 ou 20 pontos de desvantagem e agora eu tenho 24."

"As duas últimas corridas foram muito ruins. Em Barcelona eu perdi nove ou dez pontos, porque poderia terminar em sexto ou sétimo. E aqui eu poderia, pelo menos, ganhar seis pontos que poderiam ser importantes. Porque em 2013, por exemplo, eu perdi o campeonato por apenas quatro pontos. Então você tem que ser positivo."

Lorenzo, no entanto, admitiu que estaria em apuros se outra corrida com chuva acontecesse com ele ainda não estando seguro com o pneu dianteiro.

"Vamos ver se no futuro, caso chova, eu me sinta melhor. Caso contrário, não será simples mudar radicalmente meu estilo de pilotagem."

Sorte de Marquez

Tendo conseguido o segundo lugar, depois de uma longa luta com Valentino Rossi na Catalunha, Marquez chegou ao mesmo segundo lugar em Assen, sem correr riscos.

Perguntado se a abordagem mais calculada de Marquez o ajudou na briga pelo título, Lorenzo disse: "claro, esta é a quarta temporada dele na MotoGP, então ele tem mais experiência do que no primeiro ano."

"Provavelmente ele teve a sorte de cair várias vezes nos treinos, mas não na corrida. Ele me parece um pouco mais conservador quando não pode vencer."

Mas Lorenzo insistiu que Marques não fica imune a erros e que mesmo os acidentes dos treinos podem ter consequências graves.

"As condições da pista de Assen eram muito complicadas e ele ficou na moto. Mas, por exemplo, no sábado ele caiu. Poderia ter se machucado muito."

"Então você nunca sabe quando você pode cair, você nunca sabe se você pode se machucar, por isso não podemos dizer que Marquez não pode cometer erros."

"Estamos sempre no limite e todos podem cometer erros ou não pontuar, como no caso de Rossi hoje [ontem]."

compartilhar
comentários
Grid Girls holandesas brilham mesmo sob chuva

Artigo anterior

Grid Girls holandesas brilham mesmo sob chuva

Próximo artigo

'Roubo', erro e reclamação: declarações do final de semana

'Roubo', erro e reclamação: declarações do final de semana
Carregar comentários