MotoGP: KTM renova com Binder por três temporadas

Com isso, sul-africano chegará a dez anos de relacionamento com a KTM, passando pela Moto3 e a Moto2 com as motos da montadora austríaca

MotoGP: KTM renova com Binder por três temporadas

A KTM anunciou nesta terça (01) que renovou o contrato do sul-africano Brad Binder na MotoGP por mais três temporadas, garantindo o piloto na montadora austríaca até o fim de 2024.

Binder passou boa parte de sua carreira no esporte com a KTM, passando pela Red Bull Rookies Cup e a Moto3 em 2012 antes de se juntar à equipe Ajo Motorsport, que pertence à montadora, em 2016.

Leia também:

Em seu segundo ano com a KTM, Binder dominou a temporada para vencer na Moto3, passando para a Moto2 na sequência, onde ficou por três anos, conquistando o vice-campeonato em 2019, todos com a Ajo KTM.

Binder passou para a categoria rainha no ano passado, já com a equipe oficial da KTM e surpreendeu ao conquistar a sua primeira vitória e a primeira vitória da montadora em Brno.

"Estou muito, muito feliz por assinar novamente por mais três temporadas com a KTM, chegando a dez anos de relacionamento", disse. "É incrível ficar com a montadora por tanto tempo e sempre tivemos um bom relacionamento".

"Sou muito feliz vestindo as cores da KTM e é ainda mais satisfatório ter um contrato de longa duração. É ótimo ter essa crença e apoio da companhia. É uma honra. Daqui em diante, podemos focar em nós mesmos, buscando a ponta".

"Não estamos tão longe assim, e seria muito legal se conseguirmos fazer algo ótimo juntos. É animador ver o que os próximos anos trarão".

O chefe desportivo da KTM, Pit Beirer, acrescentou: "Esse foi um contrato muito fácil para nós porque amamos Brad como piloto e pelo que ele traz à equipe, à fábrica e a classe MotoGP".

"Ele também está muito entusiasmado com esse comprometimento conosco de longo prazo e isso diz muito sobre nossa progressão e potencial no campeonato. De vez em quando você encontra um piloto e uma mentalidade que se encaixa com a sua filosofia e o fato de Brad ter escalado até aqui conosco em dez anos é uma história muito especial".

"Estamos muito orgulhosos por seguirmos correndo com ele e determinando novos objetivos juntos".

Atual companheiro de Binder, Miguel Oliveira também deve estender sua permanência com a KTM, tendo subido para a equipe oficial neste ano. 

Já na Tech3, tudo indica que a KTM deve mexer com sua dupla, após surgir a informação de que a montadora optou por não usar a cláusula de renovação automática do contrato de Danilo Petrucci, que chegou ao fim recentemente.

Pilotos de destaque na Moto2 com a equipe Ajo, Remy Gardner e Raúl Fernandez estão ligados a uma promoção à MotoGP para 2022.

RETA FINAL: ‘Tapetão’ na F1? A quarta Indy 500 de Castroneves e Porsche Cup

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: O que a liderança inédita de Verstappen representa na F1?

 

compartilhar
comentários
MotoGP: Martín retorna ao grid no GP da Catalunha após acidente em Portimão
Artigo anterior

MotoGP: Martín retorna ao grid no GP da Catalunha após acidente em Portimão

Próximo artigo

MotoGP - Miller critica replays do acidente fatal de Dupasquier na TV: "Inaceitável"

MotoGP - Miller critica replays do acidente fatal de Dupasquier na TV: "Inaceitável"
Carregar comentários