MotoGP: Lesão no joelho tira Morbidelli de corrida em Assen

Ítalo-brasileiro não poderá competir no GP da Holanda por ter adquirido mais uma lesão no joelho esquerdo

MotoGP: Lesão no joelho tira Morbidelli de corrida em Assen

Franco Morbidelli não correrá no GP da Holanda deste fim de semana, depois de o piloto da Petronas SRT MotoGP ter lesionado o joelho durante treino.

O ítalo-brasileiro lesionou seu joelho esquerdo no início deste mês, durante um incidente de quando estava treinando no rancho de Valentino Rossi.

Leia também:

Morbidelli revelou a lesão pela primeira vez quando caiu em uma sessão em Barcelona. Ele agravou a lesão na terça-feira em outro incidente de treinamento, o suficiente para ser excluído da nona etapa da temporada em Assen.

Em um comunicado, a SRT dizia: “PETRONAS Yamaha Sepang Racing Team pode confirmar que Franco Morbidelli não correrá o GP da Holanda deste fim de semana, devido a uma lesão no joelho esquerdo sofrida durante o treinamento de hoje.”

“A lesão é suficiente para significar que Franco vai perder o evento deste fim de semana e ele está passando por avaliação médica para determinar o melhor curso de ação para a recuperação.”

“A Petronas Yamaha Sepang Racing Team deseja ao Franky uma rápida recuperação.”

Vice-campeão do ano passado, Morbidelli está atualmente em 11º na classificação, após uma temporada difícil com sua Yamaha.

Apesar de terminar 2020 como a melhor Yamaha com a sua moto ‘A-spec’ mais antiga, Morbidelli não recebeu equipamento de fábrica para esta temporada.

Agora aos comandos de uma M1 de dois anos, Morbidelli tem dificuldades, terminando o GP da Alemanha do último fim de semana em penúltimo lugar, em 18º.

Morbidelli já tinha falado da sua insatisfação com a situação, dizendo que teve uma conversa franca com o chefe da Yamaha, Lin Jarvis, sobre o assunto.

Apesar dos problemas com as máquinas, Morbidelli ainda conseguiu um pódio em 2021, terminando em terceiro em Jerez, em maio.

A SRT não disse se substituirá Morbidelli em Assen, embora possa abrir as portas para Cal Crutchlow retornar à MotoGP neste fim de semana.

Crutchlow abandonou efetivamente as corridas no final da temporada passada para se tornar o piloto de testes da Yamaha.

VEJA primeiras fotos do NOVO CARRO da F1 2022 com ANÁLISE de Rico Penteado

PODCAST: Sequência de corridas até ferias da F1 será chave para campeonato?

 

compartilhar
comentários
MotoGP - Márquez acredita em corrida mais complicada na Holanda
Artigo anterior

MotoGP - Márquez acredita em corrida mais complicada na Holanda

Próximo artigo

MotoGP cancela GP do Japão e remarca etapas de Austin e Tailândia

MotoGP cancela GP do Japão e remarca etapas de Austin e Tailândia
Carregar comentários