Rossi pode fechar acordo para ficar na MotoGP ainda esse mês, segundo amigo e parceiro de negócios do piloto

Segundo seu amigo de longa data e parceiro de negócios, Valentino deve chegar a um acordo com a Yamaha ainda esse mês

Rossi pode fechar acordo para ficar na MotoGP ainda esse mês, segundo amigo e parceiro de negócios do piloto

Valentino Rossi precisa decidir se continua ou não na MotoGP em 2021 após perder sua vaga na equipe Yamaha para Fabio Quartararo. O Doutor já havia indicado anteriormente que tem vontade de continuar correndo e, segundo um parceiro de longa data do italiano, essa confirmação deve estar próxima.

Recentemente, Rossi admitiu que o hiato causado pela pandemia deixou ele mais relaxado sobre a perspectiva de potencialmente se aposentar. Porém, segundo seu amigo de longa data e parceiro de negócios, Uccio Salucci, há a expectativa que a negociação com a Yahama acelere nas próximas semanas, agora que Rossi teria chegado à conclusão de que quer continuar correndo.

Leia também:

"Vale tem a atitude de alguém que quer fazer tudo, menos sair", disse Salucci em uma entrevista com a Sky Itália. "Ele é uma força da natureza, um cara que faz os outros continuarem também, ele também tem um grande desejo, e nos surpreende sempre. Nossa intenção mais provável é de continuar em 2021".

"Quando Vale troca de equipe, ele sempre cria movimento, expectativas, tensão. Não é uma equipe de fábrica, mas teremos uma moto oficial. Eles têm uma ótima estrutura. A Yamaha está ali para nos apoiar e temos um bom relacionamento com eles. Provavelmente teremos Franco [Morbidelli] como companheiro de equipe, o que deve ser uma boa experiência".

"Ainda temos algumas coisas para definir, mas devemos bater o martelo no fim do mês".

Ele acrescentou: "Estamos no passo anterior [discutindo a composição da equipe], vamos falar sobre isso na próxima semana com a Yamaha para ver como seguir, mas nós não falamos muito sobre a equipe porque Vale queria pensar um pouco para decidir se continuaria ou não".

"Nós vamos dar sequência e falaremos sobre os detalhes com a Yamaha nos próximos dez dias".

Caso Rossi opte pela mudança para a Petronas SRT em 2021, ele provavelmente terá como parceiro o ítalo-brasileiro Franco Morbidelli, que é membro da Academia VR46 e atual companheiro de equipe de Fabio Quartararo.

Franco Morbidelli, Petronas Yamaha SRT

Franco Morbidelli, Petronas Yamaha SRT

Photo by: Gold and Goose / Motorsport Images

O chefe da Petronas, Razlan Razali já havia deixado claro que seu objetivo era garantir um novo acordo com Morbidelli antes mesmo do início da temporada, em julho.

"Nós fizemos algumas sessões em Misano nas últimas semanas, Vale e Franco estão correndo juntos, e há uma sensação boa entre eles, porque há uma verdadeira amizade", disse Salucci sobre a possibilidade de uma parceria entre eles.

"São dois pilotos inteligentes e espero que isso continue, a amizade, porque Franco é um cara fantástico. Ele teve um passado difícil e merece tudo que conquistou".

VÍDEO: Entrevista com Rubens Barrichello: piloto conta as histórias e as polêmicas da F1

PODCAST: A liderança de Hamilton pode transformá-lo em uma influência maior que Senna fora da F1?

 

compartilhar
comentários
MotoGP divulga calendário revisado de 2020 com 13 provas na Europa entre julho e novembro
Artigo anterior

MotoGP divulga calendário revisado de 2020 com 13 provas na Europa entre julho e novembro

Próximo artigo

Quartararo fala sobre como Marc Márquez mudou a MotoGP: "Ninguém treinava tanto quanto agora"

Quartararo fala sobre como Marc Márquez mudou a MotoGP: "Ninguém treinava tanto quanto agora"
Carregar comentários