Fórmula 1
06 mai
Próximo evento em
57 dias
20 mai
Próximo evento em
71 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
85 dias
10 jun
Próximo evento em
92 dias
24 jun
Próximo evento em
106 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
113 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
127 dias
29 jul
Próximo evento em
141 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
169 dias
02 set
Próximo evento em
176 dias
09 set
Próximo evento em
183 dias
23 set
Próximo evento em
197 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
204 dias
07 out
Próximo evento em
211 dias
21 out
Próximo evento em
225 dias
28 out
Próximo evento em
232 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
268 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
277 dias

ANÁLISE: Os candidatos para substituir Hamilton na Mercedes para o GP de Sakhir

Listamos os três principais nomes que poderia ocupar o cockpit mais cobiçado do grid da F1

compartilhar
comentários
ANÁLISE: Os candidatos para substituir Hamilton na Mercedes para o GP de Sakhir

Com o heptacampeão da Fórmula 1 Lewis Hamilton fora pelo menos do GP de Sakhir após um diagnóstico positivo de Covid-19, a Mercedes tem uma dura tarefa pela frente: encontrar o substituto ideal.

A equipe está bem-preparada com pilotos reservas a espera caso seja necessário um substituto para ocupar as vagas de Hamilton ou Valtteri Bottas, mas, com mais tempo na semana, a Mercedes tem mais tempo para considerar a decisão.

Leia também:

Na manhã desta terça, a Mercedes confirmou que vai anunciar "no momento certo" quem substituirá Hamilton, tendo uma boa variedade de opções disponíveis. Independente de quem será, essa pessoa terá a chance de comandar um dos carros mais dominantes da história da F1.

Aqui estão alguns potenciais candidatos.

Stoffel Vandoorne

Stoffel Vandoorne, Mercedes Benz EQ

Stoffel Vandoorne, Mercedes Benz EQ

Photo by: Alastair Staley / Motorsport Images

O principal candidato é, sem dúvidas, o belga, que é o piloto reserva atual da Mercedes. Apesar dele estar focado até esta terça (01) com as operações da montadora na pré-temporada da Fórmula E em Valência, ele já viajaria para o Bahrein de qualquer jeito.

Vandoorne não participa de um GP de F1 desde a sua última corrida pela McLaren no final de 2018, mas tem se mantido ativo desde então, correndo na F-E, conquistando a primeira vitória da Mercedes na categoria em Berlim e terminando com o vice-campeonato.

Na F1, ele tem sido uma parte integral da equipe nos finais de semana de corridas nos últimos dois anos. Quando Lance Stroll foi descartado do GP de Eifel, ele foi cotado para a vaga na Racing Point, que acabou indo para Nico Hulkenberg.

A Racing Point compartilha os reservas com a Mercedes, tendo também Esteban Gutiérrez nessa função. Mas, no momento, o mexicano não tem uma superlicença ativa pela falta de quilometragem recente com um F1.

A Mercedes confirmou que Vandoorne completará o último dia de testes da F-E como planejado antes de ir ao Bahrein. Mas isso, na verdade, não representa uma mudança do plano original e também não indica se ele irá, ou não, substituir Hamilton.

Nico Hulkenberg

Nico Hulkenberg, Racing Point, on the grid

Nico Hulkenberg, Racing Point, on the grid

Photo by: Mark Sutton / Motorsport Images

O "super substituto" da temporada 2020 poderia participar de um quarto GP na temporada 2020 e ter sua melhor chance de conquistar o tão sonhado primeiro pódio na F1?

Hulkenberg não tem ligações anteriores com a Mercedes, o que significa que chamá-lo seria uma contratação de fora da área da montadora alemã. Mas o fato dele ter três corridas com o carro de 2020, sendo que a Racing Point deste ano é modelada a partir da Mercedes 2019, pode ser um ponto positivo para o piloto.

Hulkenberg aproveitou suas três participações com a Racing Point. Apesar de não ter largado no GP da Grã-Bretanha por problemas no carro, ele foi um dos destaques no GP dos 70 Anos, saindo de terceiro e fazendo uma ótima prova até que um furo no pneu no final atrapalhou seu resultado.

No GP de Eifel, apesar de largar em último, já que teve seu primeiro contato com o carro apenas na classificação, fez uma grande corrida, terminando em oitavo.

A Mercedes teve Hulkenberg na sua lista de pilotos para 2013 caso Hamilton não aceitasse a oferta. Sete anos depois, ele pode ter uma chance surpresa com a equipe.

George Russell

George Russell, Williams Racing

George Russell, Williams Racing

Photo by: Glenn Dunbar / Motorsport Images

Se a experiência com o carro de 2020 aumenta as chances de Hulkenberg, naturalmente isso coloca George Russell como um candidato natural à vaga, especialmente por sua ligação próxima com a Mercedes.

Russell vem surpreendendo ao longo do ano com a Williams, que segue no fundo do grid, e ainda não marcou um ponto na F1, mas já é colocado pelo próprio Hamilton como um "futuro campeão em potencial".

O britânico tem sido apontado como um sucessor natural de Hamilton na Mercedes, mas segue com contrato com a Williams até o fim da temporada. Isso significa que, caso a Mercedes queira chamá-lo para a corrida, dependeria de cláusulas contratuais ou de uma liberação da equipe.

Apesar de Esteban Ocon também ser da Academia da Mercedes, ele tem um contrato sólido com a Renault até o fim do próximo ano e não poderá ser convocado, segundo apurado.

Se Russell for chamado, a Williams teria que arrumar um substituto para si. Jack Aitken, piloto da F2, é o reserva oficial, tem uma superlicença e está no Bahrein para a última rodada da F2, podendo substituir Russell.

A chamada poderia ser a chance de Russell provar suas credenciais como uma futura estrela da F1, além de ter a possibilidade de finalmente pontuar.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

Os possíveis substitutos de Hamilton e detalhes de como Grosjean sobreviveu ao grave acidente

PODCAST: Domínio da Mercedes tira mérito de Hamilton em suas conquistas?

 

Grosjean seguirá por mais uma noite no hospital mas mira retorno em Abu Dhabi

Artigo anterior

Grosjean seguirá por mais uma noite no hospital mas mira retorno em Abu Dhabi

Próximo artigo

Grosjean afirma que "viu a morte chegando" no acidente; veja relato

Grosjean afirma que "viu a morte chegando" no acidente; veja relato
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Lewis Hamilton
Equipes Mercedes
Autor Luke Smith