Carro da Aston Martin pode ter "cores da Mangueira" no retorno à F1; entenda

compartilhar
comentários
Carro da Aston Martin pode ter "cores da Mangueira" no retorno à F1; entenda
Por:
, Editor

Carro de 2021 da equipe deve ter o tom tradicional de verde da montadora em conjunto com o rosa da patrocinadora máster

A partir da próxima temporada da Fórmula 1, a Aston Martin assumirá as operações da Racing Point, tornando-a uma equipe oficial da montadora britânica. E com a Aston podendo trazer seu tradicional tom de verde e a manutenção da BWT como patrocinadora máster da equipe, o carro de 2021 pode adotar um esquema de cores bem conhecido do público brasileiro: o da Mangueira, tradicional escola de samba do carnaval carioca.

A operação da Aston se tornou possível após Lawrence Stroll, dono da Racing Point, passar a ser investidor e presidente executivo da montadora mais cedo nesse ano. E a ambição do projeto não é pequena, com a equipe assinando com Sebastian Vettel para 2021.

Leia também:

Tradicionalmente, a Aston Martin tem como cor predominante o "verde britânico de corridas", uma cor originada quando as equipes corriam com as cores nacionais nos primórdios do esporte a motor, em suas primeiras empreitadas, incluindo uma breve passagem pela F1 entre 1959 e 1960.

A montadora passou a usar um tom mais claro de verde para os carros esportivos do Campeonato Mundial de Endurance de 2018, e usou o tom na vitória da classe GTE Pro das 24 Horas de Le Mans de 2020.

Porém, a equipe da F1 deve voltar às raízes, como revelado por Lance Stroll durante a coletiva de imprensa para o GP da Rússia.

"Acredito que será o verde britânico de corridas", disse Stroll, acrescentando que o design "será muito legal".

Motorsport.com apurou que os conceitos iniciais de pintura já foram revisadas pelos chefes da Racing Point para a incorporação da marca da Aston Martin e o verde. Mas o esquema deve manter o rosa tradicional da BWT, sua patrocinadora máster desde 2017. Porém, os desenhos iniciais foram rejeitados porque eles não tinham rosa suficiente.

Os planos continuam para a entrada da marca em 2021. Stroll disse que ainda precisa sentar com Vettel para discutir os planos para o futuro, mas afirmou que já deu as boas vindas ao futuro companheiro de equipe.

"Em Mugello eu fui até seu motorhome e o cumprimentei, dando as boas vindas à equipe. Estou muito animado. Mal posso esperar".

DIRETO DO PADDOCK comenta rumores de Pérez na Haas, o ‘não’ de Verstappen a Hamilton e o futuro de Grosjean

PODCAST: Qual é o limite de Max Verstappen na Red Bull?

 

Comissão de Hamilton que visa melhorar representação negra no esporte terá ex-McLaren na diretoria

Artigo anterior

Comissão de Hamilton que visa melhorar representação negra no esporte terá ex-McLaren na diretoria

Próximo artigo

Pr1meiro Stint: Massa espera ver Vettel na frente da Ferrari

Pr1meiro Stint: Massa espera ver Vettel na frente da Ferrari
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Equipes Racing Point
Autor Luke Smith