Fórmula 1
29 ago
-
01 set
Evento encerrado
05 set
-
08 set
Evento encerrado
19 set
-
22 set
Evento encerrado
26 set
-
29 set
Evento encerrado
10 out
-
13 out
Evento encerrado
31 out
-
03 nov
Próximo evento em
13 dias
14 nov
-
17 nov
R
GP de Abu Dhabi
28 nov
-
01 dez
Próximo evento em
41 dias

Chefe da Ferrari: "Decepcionados, não tristes" após GP do Bahrein

compartilhar
comentários
Chefe da Ferrari: "Decepcionados, não tristes" após GP do Bahrein
Por:
1 de abr de 2019 13:24

Mattia Binotto admitiu decepção por azar de Charles Leclerc na corrida de Sakhir, mas destacou pontos positivos do fim de semana

Após o GP do Bahrein, em que Charles Leclerc perdeu vitória por conta de problema no motor e Sebastian Vettel rodou em disputa com Lewis Hamilton, o chefe da equipe italiana disse que a escuderia está “decepcionada, mas não infeliz”. "Sabemos que ainda há uma longa temporada e houve muitos pontos positivos neste final de semana. Estamos certaente desapontados, mas não tristes”, disse Mattia Binotto.

A Ferrari se recuperou das dificuldades na Austrália para despontar como a equipe mais rápida em Sakhir, com Charles Leclerc e Sebastian Vettel garantindo a primeira fila do grid para a prova deste domingo. O monegasco estava tranquilo para conquistar sua primeira vitória na Fórmula 1, mas um cilindro estragado levou a uma perda de potência a 10 voltas do fim e ele teve de se contentar com o terceiro lugar.

Leia também:


Embora o azar do novo contratado seja difícil de aceitar, Binotto acha que é importante que a equipe de Maranello receba algum incentivo do ritmo que demonstrou no Bahrein. A Mercedes ficou surpresa com a vantagem italiana nas retas, o que foi fundamental para o seu domínio nas eliminatórias.

O chefe ferrarista, porém, é cauteloso: "Cada corrida é diferente. Sabemos com certeza que temos um bom pacote, mas ele precisa ser desenvolvido e otimizado. A única confiança que podemos ter é que no Bahrein éramos rápidos o suficiente, mas isso não será suficiente para o resto da temporada”.

"Na fábrica, todo mundo está trabalhando duro para desenvolver o carro, para ter avanços o mais rápido possível, seja em termos de atualizações ou melhorias na configuração. Hoje nós tivemos um bom desempenho, mas amanhã é um novo dia”, analisou Binotto.

Ele também defendeu Sebastian Vettel, que jogou fora sua chance de lutar pela vitória quando ele rodou durante uma disputa roda a roda com Lewis Hamilton, da Mercedes: "Não acho que devamos discutir erros. Estamos sempre na batalha e nunca é fácil. Isso é algo que sempre pode acontecer. Precisamos encorajar nossos pilotos porque eles têm de ir até o limite para alcançar o melhor resultado. Isso é o que Seb estava tentando fazer”.

"Estamos trabalhando e aprendendo sobre nosso carro. Temos alguns dias de testes aqui no Bahrein que serão úteis também na preparação da China. Então eu acho que está tudo bem a esse respeito. Estamos focados e só devemos melhorar", projetou o novo chefe de equipe da Ferrari, substituto de Maurizio Arrivabene.

Mattia Binotto, Team Principal Ferrari, with Charles Leclerc, Ferrari

Mattia Binotto, Team Principal Ferrari, with Charles Leclerc, Ferrari

Photo by: Mark Sutton / Sutton Images

Próximo artigo
Russell dividirá carro da Mercedes com Hamilton em teste da F1 no Bahrein

Artigo anterior

Russell dividirá carro da Mercedes com Hamilton em teste da F1 no Bahrein

Próximo artigo

Magnussen: "Simplesmente não tínhamos ritmo" no GP do Bahrein

Magnussen: "Simplesmente não tínhamos ritmo" no GP do Bahrein
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP do Bahrein
Equipes Ferrari Compre Agora
Autor Jonathan Noble