Fórmula 1
06 mai
Próximo evento em
57 dias
20 mai
Próximo evento em
71 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
85 dias
10 jun
Próximo evento em
92 dias
24 jun
Próximo evento em
106 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
113 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
127 dias
29 jul
Próximo evento em
141 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
169 dias
02 set
Próximo evento em
176 dias
09 set
Próximo evento em
183 dias
23 set
Próximo evento em
197 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
204 dias
07 out
Próximo evento em
211 dias
21 out
Próximo evento em
225 dias
28 out
Próximo evento em
232 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
268 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
277 dias

Chefe da Red Bull pede volta de F1 100% "pé embaixo"

Para Christian Horner corridas deveriam ser decididas sem preocupação com economia de combustível.

compartilhar
comentários
Chefe da Red Bull pede volta de F1 100% "pé embaixo"
Christian Horner, Red Bull Racing Team
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing
Daniil Kvyat, Red Bull Racing RB11

Após o GP do Canadá, onde os pilotos tiveram em seus rádios mensagens constantes para economizar combustível, o chefe da Red Bull, Christian Horner, expressou sua frustração por não achar estas práticas condizentes com a performance de alto nível que a Fórmula 1 deveria proporcionar durante toda uma prova.

Para ele, com isso a categoria passa uma mensagem errada aos fãs.

"Se você é um fã sentado em casa assistindo é decepcionante", disse Horner.

"Você quer ver os pilotos acelerando o tempo todo e competindo entre si. É algo que temos de levar em conta e reagir."

Sem Safety Car

Para ele, a falta de Safety Car deixou o GP do Canadá ainda mais chato.

Horner ainda acrescentou: "Corridas de uma parada não são boas para a F1. Você precisa ter duas ou três paradas. Isso é importante.

"Os pneus que temos são um pouco conservadores. Outra coisa que não é boa para a F1 é a economia de combustível. Acho que deveria ser uma corrida de sprint. Levantar o pé e andar devagar não fazem parte de uma corrida sprint.”

"Esta não é a mensagem que a F1 deveria estar colocando."

Quando perguntado o que ele faria para mudar as coisas, Horner disse: "Reduza a corrida por cinco voltas ou o que quer que seja”.

Longe no Canadá, Raikkonen pede melhora geral da Ferrari

Artigo anterior

Longe no Canadá, Raikkonen pede melhora geral da Ferrari

Próximo artigo

McLaren clama para Mercedes mudar de ideia

McLaren clama para Mercedes mudar de ideia
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP do Canadá
Localização Circuit Gilles-Villeneuve
Equipes Red Bull Racing
Autor Jonathan Noble