Coulthard diz que Hamilton pode seguir Rosberg e deixar F1

David Coulthard crê que Lewis Hamilton poderia deixar Fórmula 1 antes do esperado e diz que pode acontecer até durante a temporada 2017

Coulthard diz que Hamilton pode seguir Rosberg e deixar F1
Jenson Button, McLaren with David Coulthard, Red Bull Racing and Scuderia Toro Advisor / Channel 4 F1 Commentator on the grid
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing talks with David Coulthard
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1
Lewis Hamilton, Mercedes F1 W08
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W08
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W08, and Kevin Magnussen, Haas F1 Team VF-17, exit the pit lane
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W08
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W08

Depois de Nico Rosberg se aposentar repentinamente - poucos dias após ser campeão da temporada 2016 - David Coulthard crê que outro piloto pode deixar a Fórmula 1 a qualquer momento: nada menos do que Lewis Hamilton.

Para Coulthard, vice-campeão do mundo em 2001 e vencedor de 13 corridas na F1, Hamilton também poderia surpreender o mundo da velocidade e sair da categoria a curto prazo se perder a paixão pelo que faz.

"Ele não demoraria muito a decidir. 'Dane-se. Obrigado, estou de saída'. Poderia ser antes do que imaginamos. Ele tem dinheiro suficiente para tomar este tipo de decisão", disse Coulthard ao diário britânico Daily Express.

Coulthard vai além e emite um palpite arriscado, afirmando que Hamilton pode deixar a F1 até mesmo durante 2017, caso não esteja se sentido confortável.

"Quando as coisas funcionam bem se vê a paixão, é possível ver uma criança dentro do homem. Mas quando se vê que as mesmas perguntas são feitas, é possível ver a falta de brilho nos olhos", ressaltou.

"Quando a paixão se vai, você pode enganar a todos, mas não pode se enganar. Ele poderia sair durante a temporada", garantiu o escocês.

Hamilton, atualmente com 32 anos, tem três títulos na F1 e está prestes a iniciar a 11ª temporada na categoria.

compartilhar
comentários
Sochi homenageia Petrov com nome de arquibancada
Artigo anterior

Sochi homenageia Petrov com nome de arquibancada

Próximo artigo

Verstappen: Red Bull "não está forte" para vencer corridas

Verstappen: Red Bull "não está forte" para vencer corridas
Carregar comentários