Fórmula 1
10 out
-
13 out
Evento encerrado
24 out
-
27 out
Evento encerrado
01 nov
-
03 nov
Evento encerrado
14 nov
-
17 nov
Evento encerrado
28 nov
-
01 dez
Evento encerrado

Decepção de Massa e morte de Senna: Pilotos e dirigentes escolhem GPs marcantes da F1

compartilhar
comentários
Decepção de Massa e morte de Senna: Pilotos e dirigentes escolhem GPs marcantes da F1
Por:
, Repórter
10 de abr de 2019 20:29

Ricciardo, Pérez, Vettel e Verstappen elegem corridas mais memoráveis. Horner, Brawn e Carey também falam sobre suas escolhas

No GP da China do próximo domingo, a Fórmula 1 chegará à sua corrida de nº 1000. Por isso, a categoria pediu que alguns pilotos e dirigentes elegessem as provas mais importantes da história. Duas etapas que marcaram o automobilismo brasileiro foram mencionadas por Daniel Ricciardo, da Renault, e Sergio Pérez, da Racing Point. O australiano lembrou da vitória de Felipe Massa no Brasil em 2008, na qual o brasileiro perdeu o título para Lewis Hamilton na última curva. Já o mexicano citou o GP de San Marino de 1994, em Ímola, em que Ayrton Senna perdeu a vida. Confira essas e outras escolhas na galeria abaixo:

Galeria
Lista

Daniel Ricciardo: GP do Brasil, 2008

Daniel Ricciardo: GP do Brasil, 2008
1/7

Foto de: LAT Images

A corrida marcou o Brasil pelo título perdido por Felipe Massa no final da prova em Interlagos. Ele fez seu trabalho e venceu na chuva com a Ferrari, mas Lewis Hamilton, na McLaren, conseguiu ultrapassar a Toyota de Timo Glock na última curva para tirar o campeonato do brasileiro, cuja família já estava comemorando nos boxes. "Foi incrível, exceto para Massa", disse Ricciardo.

Sergio Pérez: GP de San Marino, 1994

Sergio Pérez: GP de San Marino, 1994
2/7

Foto de: XPB Images

"A primeira corrida que eu vi foi quando Ayrton Senna teve seu acidente em Ímola em 1994. Foi a primeira que eu assisti e meu ídolo morreu. Isso me afetou muito", disse o piloto mexicano da Racing Point.

Sebastian Vettel: GP da Alemanha, 1995

Sebastian Vettel: GP da Alemanha, 1995
3/7

Foto de: LAT Images

"O primeiro que lembro foi a vitória de Ayrton Senna no Brasil, em 1991. Ele estava tão exausto porque perdeu parte do câmbio que não conseguiu levantar o troféu. Mas eu tinha apenas três anos. Então foi a vitória Michael Schumacher de Benetton em Hockenheim. O estádio estava completamente cheio, com bandeiras alemãs por toda parte", disse Vettel.

Max Verstappen: GP da Espanha, 2016

Max Verstappen: GP da Espanha, 2016
4/7

Foto de: Andrew Hone / Motorsport Images

"A primeira vitória é insuperável. Com quatro ou cinco voltas para o fim, comecei a acreditar que ia acontecer. Sinceramente, enquanto você pilota, não está pensando nisso. Você fica concentrado em manter os oponentes para trás e fazer o seu trabalho. De repente, na última curva, você percebe: 'Realmente vou ganhar essa corrida'", relatou Verstappen, vencedor mais jovem da F1.

Christian Horner: GP da Grã-Bretanha, 1986

Christian Horner: GP da Grã-Bretanha, 1986
5/7

Foto de: Sutton Motorsport Images

"Foi a primeira corrida que fui assistir. Foi na era de Mansell e Piquet na Williams. Eu era um grande fã de Mansell e eles eram gigantes, heróis do esporte. A energia daqueles carros turbo eram fenomenais", lembrou o chefe da Red Bull. Piquet largou na pole, mas Mansell liderou a dobradinha na volta de Frank Williams à F1.

Ross Brawn: GP do Brasil, 2009

Ross Brawn: GP do Brasil, 2009
6/7

Foto de: XPB Images

"Me considero sortudo por ter passado quase toda a vida profissional na F1. Há tantos GPs que trazem ótimas lembranças. O mais especial foi no Brasil em 2009. Button venceu o título e a equipe que levou meu nome ganhou o campeonato", disse Brawn, que agora é diretor esportivo da Fórmula 1.

Chase Carey: GP de Singapura, 2016

Chase Carey: GP de Singapura, 2016
7/7

Foto de: McLaren

"A F1 é o ápice do automobilismo por causa do casamento entre competição e tecnologia. A potência, a velocidade e o som são únicos. A primeira corrida que fui assistir foi o GP de Singapura de 2016. Foi impressionante! Você nunca esquece sua primeira corrida", disse o norte-americano, CEO da Fórmula 1.

Leia também:

Próximo artigo
GALERIA: GP da China tem fama de marcar esquisitices ano a ano; veja

Artigo anterior

GALERIA: GP da China tem fama de marcar esquisitices ano a ano; veja

Próximo artigo

Internado em São Paulo, Reginaldo Leme deve perder o milésimo GP da F1

Internado em São Paulo, Reginaldo Leme deve perder o milésimo GP da F1
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Carlos Costa