Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
63 dias
06 mai
Próximo evento em
105 dias
20 mai
Próximo evento em
119 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
133 dias
10 jun
Próximo evento em
140 dias
24 jun
Próximo evento em
154 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
161 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
175 dias
29 jul
Próximo evento em
189 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
217 dias
02 set
Próximo evento em
224 dias
09 set
Próximo evento em
231 dias
23 set
Próximo evento em
245 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
252 dias
07 out
Próximo evento em
259 dias
21 out
Próximo evento em
273 dias
28 out
Próximo evento em
280 dias
05 nov
Próximo evento em
288 dias
R
GP da Austrália
18 nov
Próximo evento em
301 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
316 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
325 dias

Equipes da F1 aceitam largadas paradas após Safety Car

compartilhar
comentários
Equipes da F1 aceitam largadas paradas após Safety Car
Por:
Traduzido por: Gabriel Carvalho

Chefes de equipe chegam a consenso para a introdução de largadas paradas após períodos de Safety Car a partir da próxima temporada

Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB12 leads behind the FIA Safety Car
Bernie Ecclestone
Bernie Ecclestone
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W07 Hybrid leads behind the FIA Safety Car
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W07 Hybrid leads behind the FIA Safety Car

A Fórmula 1 está próxima de ter uma novidade para a temporada 2017: largadas paradas após períodos de Safety Car. A ideia foi sugerida por Bernie Ecclestone em uma reunião informal nesta sexta-feira (25) com os chefes das equipes, que concordaram sobre a necessidade de novidades para melhorar o espetáculo.

A ideia já havia sido sugerida no passado, mas foi abandonada antes do início desta temporada, após ser alvo de muitas rejeições. O sentimento geral era de que tal mudança tornaria as disputas artificiais, com um piloto com larga vantagem podendo perder tudo ao ficar parado no grid.

 

Outra objeção dos chefes era o fato de que, na reta final de uma prova, metade do grid teria de lidar com uma pista cheia de pedaços de borracha, o que os colocaria em uma situação desfavorável - o mesmo se aplicaria a uma pista que estivesse secando.

Surgiu também a questão sobre os diferentes níveis de aderência com o tempo e composto de cada piloto variando dentro da corrida. A sugestão foi que todos entrassem nos boxes para garantir que todos teriam pneus novos na relargada.

Ecclestone também sugeriu às equipes nesta sexta-feira a ideia de rodadas duplas, mas os times rejeitaram o conceito.

Após treinos, Massa brinca: "adoraria terminar em primeiro"

Artigo anterior

Após treinos, Massa brinca: "adoraria terminar em primeiro"

Próximo artigo

GP de Baku quer mudança de data para não bater com Le Mans

GP de Baku quer mudança de data para não bater com Le Mans
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Adam Cooper