F1 considera realizar rodada dupla no Bahrein se pandemia impedir GP em Portugal

Segundo Domenicali, a decisão final deve vir já nos próximos dias

F1 considera realizar rodada dupla no Bahrein se pandemia impedir GP em Portugal

O impacto da pandemia da Covid-19 na Europa está fazendo a Fórmula 1 está analisar a possibilidade de fazer novas mudanças no calendário de 2021. Caso não seja possível realizar uma etapa em Portugal na data em aberto de 02 de maio, o Bahrein pode voltar a receber uma rodada dupla.

No cronograma atual, a temporada começará em 28 de março com o GP do Bahrein, seguido de uma prova em Ímola em 18 de abril. Mas a terceira etapa, em 02 de maio, segue como "a confirmar", apesar de Portimão ser amplamente visto como o local para o GP.

Leia também:

Porém as expectativas diminuem a cada dia, já que o país ibérico enfrenta seu pior momento no combate à pandemia da Covid-19. Portugal está registrando recordes de casos e mortes e, recentemente, anunciou o envio de pacientes em estado grave para tratamento na Áustria. Na Europa como um todo, a preocupação está com o crescimento de casos com as novas variantes da doença, especialmente a brasileira, a britânica e a africana.

O CEO da F1 Stefano Domenicali confirmou que terá conversas com diversos promotores de GPs ao longo dos próximos dias antes de tomar uma decisão sobre como e quando a temporada irá de fato começar.

Enquanto Domenicali mantém a esperança de seguir as datas atuais, ele garante que Ímola não está ameaçada, afirmando que planos de contingência serão colocados em vigor caso necessário.

Uma das opções consideradas pela F1 é realizar duas etapas consecutivas no Bahrein para abrir a temporada, jogando Ímola para uma semana mais tarde.

Falando com veículos de imprensa selecionados, incluindo o Motorsport.com, na quinta-feira (04), Domenicali comentou a situação do calendário.

"Há uma data em aberto, e se for Portugal, será escrito Portugal. Ainda não está escrito Portugal porque a situação não está encerrada. Assim que possível, vamos anunciar novidades. E isso será nos próximos dias, não daqui a dois meses".

"Tenho reuniões ao longo do final de semana para entender qual é a situação. E um dos planos Bs, certamente, é tornar o Bahrein uma rodada dupla. Mas esse é um dos planos e nada está confirmado. Nosso objetivo é manter o calendário como está".

Em 2020, o Bahrein recebeu duas provas no final da temporada, o GP do Bahrein, usando a configuração tradicional do circuito, e o GP de Sakhir, que usou o anel externo da pista.

Apesar da incerteza em meio ao desenvolvimento da pandemia ao redor do mundo, Domenicali mantém as esperanças da F1 conseguir realizar 23 corridas em 2021.

"Todos estavam pensando que esse ano seria mais fácil, mas não é. Porém, estamos confiantes que é possível manter o número de corridas no calendário. É um desafio, mas estamos confiantes que, com as boas relações que temos, isso pode acontecer. Só que é uma situação fluida, e precisamos ser flexíveis, prontos para buscar outras possibilidades".

"Temos planos B, C, D a espera, porque o que está certo hoje pode mudar amanhã. É por isso que estamos em contato com os promotores diariamente".

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

ENTENDA por que motores são o CAMPO DE GUERRA da F1 para 2021 e 2022

PODCAST: Bottas reagirá na Mercedes? Como compará-lo a Barrichello, Webber e cia?

 

compartilhar
comentários
F1: Williams confirma data em março para lançamento do carro de 2021

Artigo anterior

F1: Williams confirma data em março para lançamento do carro de 2021

Próximo artigo

Domenicali pede que equipes da F1 apoiem pedido da Red Bull por congelamento de motores

Domenicali pede que equipes da F1 apoiem pedido da Red Bull por congelamento de motores
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Jonathan Noble