F1: Hamilton diz que passar carros em última volta lhe "custou caro"

Saída final do piloto britânico foi mais lenta em comparação com seu melhor tempo no Q3

F1: Hamilton diz que passar carros em última volta lhe "custou caro"

Lewis Hamilton disse que saltar à frente de vários carros que se preparavam para as voltas finais na classificação do GP da Estíria da Fórmula 1lhe custou caro.

O britânico deixou os boxes como o último piloto a iniciar uma volta no Q3 no Red Bull Ring. Hamilton e o seu companheiro de equipe Valtteri Bottas passaram Max Verstappen no início de suas voltas antes de passarem Lando Norris, Sergio Pérez, Fernando Alonso e Pierre Gasly enquanto eles percorriam lentamente entre as curvas 7 e 8.

Leia também:

Enquanto o grupo continuava se alinhando antes da penúltima curva, Hamilton também passou à frente de Bottas e começou sua volta apenas atrás de Charles Leclerc, da Ferrari.

A volta final do piloto britânico foi então mais lenta em comparação com seu recorde pessoal do Q3.

Questionado na coletiva de imprensa pós-qualificação se achava que ter ultrapassado os carros em sua última volta tinha lhe custado, Hamilton respondeu: "Sim, definitivamente."

"Olhando para trás… eu sabia que todo mundo estava indo muito devagar e estava preocupado em não ter os pneus na temperatura certa."

"Mas eu fui em todas as linhas sujas, então peguei toda a sujeira nos pneus e fiz uma saída ruim na última curva."

"Já na curva 1 eu estava um décimo abaixo e na curva 3 eu estava 0s2 abaixo."

"Não há esperança a esse respeito. Então, naturalmente, me esforcei para recuperar a perda de tempo e simplesmente não funcionou."

Percorrer as curvas finais na parte de trás do pelotão também quase custou caro para Verstappen, já que ele não conseguiu melhorar seu tempo na última volta do Q3 porque "fui o último no pelotão, então acho que meus pneus estavam um pouco frio demais". No entanto, sua saída no início do Q3 foi boa o suficiente para garantir a pole.

A questão das filas de pilotos antes de suas voltas em sessões classificatórias esteve em destaque em várias ocasiões em 2021, com Antonio Giovinazzi criticando Nikita Mazepin por ultrapassá-lo no início de sua última saída do Q1 em Ímola.

Pérez disse no início deste mês no GP do Azerbaijão que um 'acordo de cavalheiros' precisava ser discutido porque alguns pilotos "não estavam respeitando" o combinado informal.

O piloto mexicano, que se classificou em quinto no sábado, disse que o momento final do Q3 "mais uma vez, estragou um pouco a minha volta".

"Quando se trata do Q3, eu não sei. As pessoas estão em uma preparação de pneus diferente - alguns precisam ir mais rápido, alguns precisam ir mais devagar."

"Mais uma vez, estragou um pouco a minha volta porque acabei com pneus mais frescos do que o ideal. Faz parte do jogo. É isso", concluiu.

F1 AO VIVO: Verstappen 'VOA' para POLE e Hamilton SOFRE no quali do GP DA ESTÍRIA; veja análise | Q4

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Sequência de corridas até férias da F1 será chave para campeonato?

 

compartilhar
comentários
F1: Bottas diz que punição por rodada no pitlane foi muito severa
Artigo anterior

F1: Bottas diz que punição por rodada no pitlane foi muito severa

Próximo artigo

F1: Wolff não entende "revolta" da Red Bull com questões sobre motor

F1: Wolff não entende "revolta" da Red Bull com questões sobre motor
Carregar comentários