F1: Hamilton "surpreso" por Verstappen não checar se ele estava bem após acidente na Itália

Rivais pelo título colidiram na Curva 2 durante o GP em Monza e carro de holandês "montou" sobre Mercedes do britânico, que quase foi atingido na cabeça

F1: Hamilton "surpreso" por Verstappen não checar se ele estava bem após acidente na Itália

Lewis Hamilton disse que achou "surpreendente" que Max Verstappen tenha saído do acidente entre os dois no GP da Itália de Fórmula 1 sem verificar se ele não estava ferido. O heptacampeão colidiu com o holandês na volta 26 da corrida deste domingo (12) enquanto corriam lado a lado na primeira chicane de Monza.

O piloto da Red Bull tentou contornar o lado de fora do rival da Mercedes, quando saltou sobre parte da zebra e foi lançado no ar por cima do carro do britânico, que chegou a ser atingido na cabeça pela roda traseira direita de Verstappen, mesmo protegido pelo Halo, e ficou com dores no pescoço que ele acha que precisarão da atenção de um especialista.

Leia também:

Refletindo sobre as circunstâncias que envolveram o acidente e suas consequências, Hamilton explicou que já havia começado a sentir alguma dor quando viu Max indo embora.

"Eu definitivamente não pensei que ele perderia o controle e bateria comigo", comentou. "Olhando para trás, para a filmagem, obviamente aconteceu muito rápido. Estando no carro, tudo que eu conseguia pensar era em sair de lá e quantas posições estava perdendo. Ainda estava no modo de corrida."

"Eu vi Max sair e apenas passar. Achei isso um pouco surpreendente, porque, em última análise, a primeira coisa que queremos quando há incidentes é ter certeza de que o cara que colidimos está bem, mas o bom é que consegui sair. Foi uma longa caminhada de volta, e lutaremos em outra oportunidade."

Max Verstappen, Red Bull Racing RB16B, and Lewis Hamilton, Mercedes W12, crash out

Max Verstappen, Red Bull Racing RB16B, and Lewis Hamilton, Mercedes W12, crash out

Photo by: Zak Mauger / Motorsport Images

Hamilton disse que embora seu pescoço não tenha ficado ruim imediatamente após a queda, começou a ficar rígido mais tarde.

"Estou com um pouco de dor, para ser honesto", disse o piloto. "Na verdade, acho que foi uma descarga de adrenalina na hora e parece que vai ficar um pouco pior à medida que passa. Vou trabalhar com o [fisioterapeuta] Ange [Cullen] para consertar isso. Acho que, honestamente, ainda fui feliz hoje."

"Graças a Deus pelo Halo que, em última análise, acho que me salvou e salvou meu pescoço. No teste real, foi um grande sucesso, mas tudo que eu conseguia pensar é se eu poderia continuar correndo", finalizou.

F1 2021: Verstappen e Hamilton BATEM, RIVALIDADE se acirra e Ricciardo vence com 1-2 da McLaren | PÓDIO

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST - Bottas: piloto que deixou a desejar ou talento 'sacrificado'?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Alonso diz que batida entre Hamilton e Verstappen foi “incidente de corrida”
Artigo anterior

F1: Alonso diz que batida entre Hamilton e Verstappen foi “incidente de corrida”

Próximo artigo

F1: Hamilton diz que punição a Verstappen abre "precedente importante"

F1: Hamilton diz que punição a Verstappen abre "precedente importante"
Carregar comentários