F1: Netflix anuncia documentário sobre a vida de Michael Schumacher para setembro

Produção contou com o apoio e a participação da família do heptacampeão, incluindo a esposa Corinna e os filhos Gina e Mick

F1: Netflix anuncia documentário sobre a vida de Michael Schumacher para setembro

Uma ótima notícia para os fãs de automobilismo! A Netflix anunciou nesta sexta (30) o lançamento de um novo documentário sobre Michael Schumacher, realizado com o apoio da família do heptacampeão mundial de Fórmula 1, que será lançado em 15 de setembro.

Com o nome "SCHUMACHER", o filme traz contribuições de sua esposa Corinna, seus filhos Gina e Mick, atual piloto da Haas na F1, e de seu irmão, Ralf. A assessora do alemão, Sabine Kehm, descreve o filme como "o presente da família ao amado marido e pai".

Leia também:

O longa terá também a participação de diversas personalidades da F1 que tiveram um papel na carreira de Schumacher ou que foram seus rivais diretos, incluindo Jean Todt, Bernie Ecclestone, Luca di Montezemolo, Flavio Briatore, Sebastian Vettel, Mika Hakkinen, Damon Hill, David Coulthard e mais.

"Michael Schumacher redefiniu a imagem profissional de um piloto de corridas e determinou novos patamares", disse Kehm.

"Em sua busca pela perfeição, ele não poupou a si ou a equipe, levando eles ao maior sucesso. Ele é admirado ao redor do mundo por suas qualidades como líder. Ele encontrou a força para esta tarefa e o balanço para recarregar em casa, com sua família, que tinha seu amor incondicional".

"Para preservar sua esfera privada como uma fonte de força, ele sempre separou a vida privada da pública de modo consistente e rigoroso. O filme contará a história de ambos os mundos. É um presente da família ao amado marido e pai".

O filme foi produzido pela companhia alemã B|14 FILM GmbH, e conta com a direção de Hanns-Bruno Kammertons, Vanessa Nöcker e Michael Wech. A mesma equipe foi responsável pelo documentário de 2017 sobre a lenda do tênis Boris Becker, chamado Der Spieler.

"O maior desafio para os diretores foi certamente encontrar o balanço entre uma reportagem independente e a consideração pela família", disse Nöcker. "A própria Corinna Schumacher foi nosso maior apoio nisso".

"Ela mesma queria um filme autêntico, que mostrasse o real Michael, com seus altos e baixos, sem esconder nada. Ela foi ótima e muito corajosa ao nos permitir fazer o que quiséssemos, e nós respeitamos seus limites. Uma mulher acolhedora, inspiradora, que deixou uma impressão contínua em todos nós".

O produtor Benjamin Seikel acrescentou: "O documentário foi um grande desafio e nos demandou muito tempo e sensibilidade, considerando a pressão que foi colocada na produção pelo lado de fora. Mas graças a uma grande equipe e uma ótima colaboração com a família, não sucumbimos".

"Estamos gratos pelo fato de que finalmente está saindo do papel e estamos animados com seu lançamento global na Netflix. O filme sempre teve o objetivo de ser um documentário interacional e temos a certeza de será abraçado assim".

F1: Esnobado por Ayrton Senna, Felipe Massa usou episódio para dar lição em Michael Schumacher

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #122 - TELEMETRIA: O ‘pós-guerra’ na Hungria: tudo sobre o GP em Budapeste com Rico Penteado

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Hamilton vê Red Bull "ligeiramente à frente" da Mercedes em ritmo

Artigo anterior

F1: Hamilton vê Red Bull "ligeiramente à frente" da Mercedes em ritmo

Próximo artigo

F1: Red Bull explica 'reconstrução' de acidente com Albon e diz que incidente é "capítulo encerrado"

F1: Red Bull explica 'reconstrução' de acidente com Albon e diz que incidente é "capítulo encerrado"
Carregar comentários