F1: Pérez diz que parada lenta lhe "custou muito caro" no GP da Estíria

Piloto mexicano terminou a corrida na Áustria em quarto lugar

F1: Pérez diz que parada lenta lhe "custou muito caro" no GP da Estíria

Sergio Pérez disse que o tempo da primeira parada feita pela Red Bull no GP da Estíria de Fórmula 1 deste domingo (27) lhe "custou muito caro".

A 16 voltas do fim da corrida na Áustria, a escuderia austríaca surpreendeu, chamando o mexicano novamente aos boxes para colocar um conjunto novo de pneus para tentar garantir o ponto extra de volta mais rápida e talvez voltar à briga pelo pódio. A estratégia, no entanto, não deu certo e o piloto da Red Bull terminou em quarto lugar. 

Leia também:

Em entrevista após a corrida, Pérez disse que, apesar de não ter alcançado Valtteri Bottas no final para lutar pela terceira posição, a segunda parada "foi a coisa certa a se fazer". "Sim, acho que foi a coisa certa a se fazer. Estávamos quase alcançando, mas tínhamos pneus com idades muito semelhantes", disse.

"Acho que foi bom termos tentado. Apenas meio segundo foi tudo de que precisávamos no final.""

Pérez lamentou o tempo perdido no primeiro pit stop e disse que lhe "custou muito caro".

É uma pena, infelizmente hoje tivemos uma parada lenta. Os meninos têm sido incríveis o ano todo fazendo as melhores paradas, mas hoje infelizmente isso custou muito caro. Mas somos uma equipa e vamos voltar mais fortes. ”

Questionado se o mexicano pensou em parar novamente para tentar fazer a volta rápida e garantir o ponto extra, ele respondeu:  “Não, terminamos meio segundo atrás.”

Você estava muito mais perto de Max na França, havia algo nesta pista onde ele parecia ter um pouco de vantagem sobre você com o ritmo de corrida?

Falando sobre a vantagem que seu companheiro de equipe teve sobre ele, 

Pérez disse que começar com os pneus macios foi uma das razões pelas quais terminou a bem atrás de Verstappen em relação à corrida na França.

“Acho que uma das razões foi porque comecei com os macios - pensávamos que os macios seriam um pneu muito melhor e isso nos fez perder muito tempo, fiquei atrás do Lando por algumas voltas e perdemos posição. ”

Apesar de não ter garantido o pódio neste domingo, o mexicano disse que a próxima corrida na Áustria será uma "nova oportunidade" e que estará "mais completo", tendo em vista a experiência que obteve no Red Bull Ring neste final de semana guiando o carro da escuderia austríaca. 

"Vai ser diferente, vai ser uma nova oportunidade e estou ansioso por isso.", disse.

"Acho que já tendo a experiência com este carro nesta pista, devemos estar muito completos para o próximo fim de semana", concluiu. 

F1 AO VIVO: Verstappen DOMINA o GP DA ESTÍRIA, com Hamilton em um DISTANTE segundo | PÓDIO

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Sequência de corridas até férias da F1 será chave para campeonato?

 

compartilhar
comentários
F1: Wolff confirma que Mercedes não desenvolverá mais carro de 2021

Artigo anterior

F1: Wolff confirma que Mercedes não desenvolverá mais carro de 2021

Próximo artigo

F1: Russell lamenta mais uma corrida sem pontos e é apoiado por Wolff

F1: Russell lamenta mais uma corrida sem pontos e é apoiado por Wolff
Carregar comentários