F1: Pérez segue confiante que ficará na Racing Point em 2021 e revela que não negocia vaga com outras equipes do grid

compartilhar
comentários
F1: Pérez segue confiante que ficará na Racing Point em 2021 e revela que não negocia vaga com outras equipes do grid
Por:
, Editor

Mexicano afirmou que o feedback que recebe da equipe é de continuidade e revelou que não negocia vagas com nenhuma outra equipe

A polêmica dos dutos de freio não é a única novela na qual a Racing Point está envolvida na temporada 2020 da Fórmula 1. Sua dupla para 2021 também é motivo de muita discussão no paddock, com Sergio Pérez e Lance Stroll com contratos para 2021. E, apesar dos rumores da chegada de Sebastian Vettel, o mexicano está confiante que seguirá com a equipe.

A Racing Point, que em 2021 passará a se chamar Aston Martin, teve negociações com o tetracampeão sobre uma vaga para 2021 após sua saída da Ferrari.

Leia também:

Mas Pérez, que havia dito anteriormente que era "óbvio" quem sairia caso Vettel fosse contratado, começou a mudar o discurso em sua volta ao paddock no GP da Espanha, afirmando que era uma questão de tempo até que esses rumores dissipassem.

A Racing Point ainda precisa fazer o anúncio formal sobre sua dupla de 2021, com o chefe da equipe, Otmar Szafnauer dizendo na Espanha que o "status quo" segue por enquanto.

Falando na coletiva de imprensa do GP da Bélgica, Pérez repetiu sua confiança que tanto ele quanto a equipe querem seguir trabalhando juntos no próximo ano.

"Assim como já disse antes, acho que é uma questão de tempo", disse Pérez. "Estou muito feliz com a equipe. Eu acredito no projeto, estou aqui há algum tempo e vejo como a equipe está crescendo. Internamente, todos sentimos que tudo está indo bem".

"Não vejo um motivo para mudar. Acho que estamos aproveitando uma ótima temporada na pista e as coisas estão indo bem para a equipe. Não espero mudanças".

Pérez foi abordado por outra equipe de F1 quando surgiu a notícia do interesse da Racing Point em Vettel, além de receber ligações de equipes de outras categorias.

Quando perguntado se mantinha conversas com outras equipes sobre uma vaga em 2021, o mexicano respondeu: "Não. O feedback que recebo da equipe é que eles querem dar continuidade".

Pérez acrescentou que haviam "discussões nos bastidores" com a equipe sobre 2021, explicando o porquê de ainda não haver anúncios, mas que segue tranquilo sobre seu futuro.

"Todo o feedback que eu recebo é positivo. Então eu sigo em isso é daí que vem minha confiança, e porque sigo calmo. É uma situação que está fora das minhas mãos, então nem me preocupo. Eu foco na corrida e curto, independente do que acontecer".

Seu companheiro de equipe, Stroll, se recusou a falar sobre a falta de confirmação da Racing Point em 2021 e se isso era um desrespeito aos pilotos.

"Não vou lhe dar a história que você quer vender", disse. "Não há nada mais a falar sobre isso".

TELEMETRIA: Ferrari descobre problema de Leclerc e Renault ‘tira o pé’ contra Racing Point

PODCAST Motorsport.com debate qual seria o calendário ideal da Fórmula 1; ouça

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Russell: carro “arrastado” da Williams tornará Spa e Monza "realmente difíceis" na F1

Artigo anterior

Russell: carro “arrastado” da Williams tornará Spa e Monza "realmente difíceis" na F1

Próximo artigo

Marko volta a fechar portas da Red Bull para Vettel: "Não podemos jogar tudo fora só porque ele não tem mais contrato"

Marko volta a fechar portas da Red Bull para Vettel: "Não podemos jogar tudo fora só porque ele não tem mais contrato"
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Sergio Perez
Equipes Racing Point
Autor Luke Smith