F1 : Pirelli planeja introdução de novos pneus para GP da Grã-Bretanha

Após as recentes falhas em Baku, empresa italiana planeja usar sua novidade já no GP da Inglaterra do próximo mês

F1 : Pirelli planeja introdução de novos pneus para GP da Grã-Bretanha

Após os problemas em Baku, a Pirelli já pensa nos próximos passos em termos de melhorar a construção dos pneus e a segurança dos pilotos na Fórmula 1. E após um teste, planejado para semana que vem durante o GP da Áustria, a introdução dos novos protótipos deve acontecer em Silverstone, no próximo mês.

Os pneus da Pirelli sofreram duas falhas de graves durante o GP do Azerbaijão, com Lance Stroll e Max Verstappen abandonando a corrida após os acidentes que tiveram na reta principal de Baku.

Leia também:

Em resposta, a Pirelli aumentou seu monitoramento em relação as pressões de pneu que as equipes começam as corridas, após acusações de que algumas estavam permitindo que a pressão caísse durante a prova.

A mudança de construção foi discutida na tarde de sexta-feira no GP da Estíria em uma reunião de chefes de equipe presidida por Ross Brawn, com Mario Isola da Pirelli explicando o pensamento por trás da mudança.

Entende-se que o C4 será usado no Red Bull Ring, já que o estoque dos pneus C1, C2 e C3 mais duros será necessário para Silverstone.

A empresa italiana perguntou à FIA e à F1 se poderia usar uma construção mais robusta, que apresenta o mesmo perfil dos pneus atuais, mas um pouco mais rígido. A mudança pode ser exigida pela FIA por motivos de segurança.

Silverstone é tradicionalmente um circuito difícil para os pneus, graças às altas velocidades nas retas e curvas além da alta pressão aerodinâmica na pista inglesa, lembrando que em 2020 a fábrica italiana sofreu bastante por lá.

Pirelli tyres

Pirelli tyres

Photo by: Steve Etherington / Motorsport Images

A empresa de pneus explicou: "A Pirelli, em acordo com a FIA, a Fórmula 1 e as equipes, vai testar uma nova construção traseira do pneu nos treinos livres no GP da Áustria na sexta-feira, 2 de julho, para avaliar sua eficácia e melhorar ainda mais a rigidez dos pneus.”

“Esta decisão foi tomada em conta das diretivas técnicas recentemente emitida e dos parâmetros de largada mais recentes prescritos pela Pirelli, visto que atualmente não é possível monitorar as condições de funcionamento em tempo real.”

"Isso permanecerá assim até o próximo ano, quando os sensores padrão do Sistema de Monitoramento da Pressão dos Pneus (TPMS) serão introduzidos em todas as equipes.”

"Na próxima sexta-feira, cada piloto terá dois jogos desses novos pneus disponíveis para uso durante qualquer sessão de treinos livres.”

"Se o teste for bem-sucedido, a nova especificação traseira será introduzida a partir do GP da Inglaterra, substituindo a especificação atual. A nova construção traseira incorpora alguns elementos que foram desenvolvidos para uso nos mais recentes pneus de Fórmula 1 de 18 polegadas para a temporada de 2022.”

"Com esta nova estrutura, a Pirelli oferece um pneu que pode garantir níveis ainda maiores de integridade sob as condições extremas que podem ser geradas pelos carros atuais."

SEXTA-LIVRE: Treinos agitados para GP da Estíria, com Verstappen à frente; veja análise

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #114 - TELEMETRIA: Rico Penteado é enfático sobre favorito na Áustria

 

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1 - Wolff: "Negociações com Hamilton são boas e seremos transparentes quanto ao 2º piloto"

Artigo anterior

F1 - Wolff: "Negociações com Hamilton são boas e seremos transparentes quanto ao 2º piloto"

Próximo artigo

F1 - CEO da McLaren enaltece Norris e defende adaptação de Ricciardo: "Mais rápido a cada corrida"

F1 - CEO da McLaren enaltece Norris e defende adaptação de Ricciardo: "Mais rápido a cada corrida"
Carregar comentários