Fórmula 1 GP da Itália

F1: Só erro da própria Red Bull impedirá limpa da equipe em 2023, diz Wolff

Mas, para Horner, Singapura deve representar o maior desafio para a Red Bull na temporada

Christian Horner, Team Principal, Red Bull Racing, Max Verstappen, Red Bull Racing, 1st position, Helmut Marko, Consultant, Red Bull Racing, the Red Bull team celebrate victory after the race

Max Verstappen garantiu mais uma vitória na temporada 2023 da Fórmula 1, garantindo o aproveitamento absoluto da Red Bull no ano até aqui, triunfando em todos os GPs e sprints disputados. Para Toto Wolff, chefe da Mercedes, apenas um erro da própria equipe austríaca pode evitar a limpa no campeonato.

Apesar de ainda termos oito GPs e mais três sprints em uma grande variedade de pistas, os rivais mantém o ceticismo sobre a possibilidade da Red Bull ser superada em circunstâncias normais.

Leia também:

Para Wolff, cuja Mercedes é a única não-Red Bull a vencer desde o fim de julho do ano passado, com George Russell triunfando na sprint e no GP de São Paulo, não há sugestões de um local onde o time austríaco pode ser batido.

"Acho que eles precisam errar para não vencerem todas as corridas do ano", disse Wolff. "Aliás, esse é um recorde que seria bom, porque significa a perfeição. Não conseguimos isso porque nossos dois pilotos se tiraram da prova em Barcelona [em 2016] e depois tivemos uma falha no motor na Malásia [no mesmo ano]".

Toto Wolff, Team Principal and CEO, Mercedes-AMG

Toto Wolff, Team Principal and CEO, Mercedes-AMG

Photo by: Michael Potts / Motorsport Images

A referência de Wolff sobre a importância da limpa vem após ele menosprezar o valor do recorde de vitórias consecutivas obtidas por Verstappen em Monza.

"Para mim, esse tipo de recorde é completamente irrelevante. Eles eram irrelevantes na nossa fase, não sei quantas vitórias conquistamos consecutivamente. Nem sabia que havia uma contagem do tipo".

"Por isso, me pedir para comentar sobre alguma conquista é difícil porque nunca teve um papel na minha vida. Mas o resultado mostra um ótimo piloto em um ótimo carro competindo em um nível extremamente alto".

Para Christian Horner, o GP de Singapura talvez ofereça um dos maiores desafios para a Red Bull na temporada.

"Vencemos 14 de 14 até aqui, saindo da Europa sem sermos derrotados, algo que nunca imaginamos. Vencer um GP já é difícil, vencer 14 consecutivas, 24 das últimas 25, isso significa que cada pessoa na equipe está cumprindo seu papel".

"Estamos correndo contra grandes oponentes, e estamos levando uma corrida por vez. A próxima é em Singapura, um circuito de rua, um dos mais difíceis do calendário. Vimos no ano passado o quão perigoso é, então temos que dar o nosso melhor para seguirmos neste momento".

Massa detalha judicialização da F1 2008 ao Motorsport.com

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #245 - Novidades sobre Massa-2008 e Drugo na Sauber: Brasil nos holofotes!

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: Red Bull explica por que Verstappen não tentou volta mais rápida na Itália
Próximo artigo F1 - Após troca de 'farpas', Marko ironiza Mercedes: "Não nos preocuparemos até que eles se tornem sérios"

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil