F1: Vettel diz que é “errado” creditar vencedor da corrida sprint como pole position

Novo formato de final de semana será testado pela primeira vez no GP da Grã-Bretanha

F1: Vettel diz que é “errado” creditar vencedor da corrida sprint como pole position

Sebastian Vettel disse que é "errado" que os vencedores das corridas sprint de classificação da Fórmula 1 sejam creditados oficialmente como detentores da pole position porque "é um novo formato" para o campeonato.

O formato de corrida sprint de classificação será testado pela primeira vez no GP da Grã-Bretanha (confira os horários) neste fim de semana, com a prova substituindo a sessão de classificação típica no calendário do evento no sábado e definindo o grid para o GP de domingo.

Leia também:

A classificação Q1/Q2/Q3 será realizada na sexta-feira, após uma hora de prática, mas o piloto que liderar a sessão não será creditado como detentor da pole, com o diretor técnico da F1, Ross Brawn, explicando no mês passado que "depois de discussões com a FIA, eles acham que a pole position é aquele que estiver a frente do grid para o GP".

A decisão gerou um debate sobre como os recordes de pole position da categoria máxima do automobilismo serão tratados a partir de agora e a corrida de sprint em geral foi muito discutida nas coletivas de imprensa desta quinta-feira em Silverstone.

Questionado pelo Motorsport.com sobre o que ele pensa sobre a decisão de conceder a pole para os vencedores da corrida sprint, Vettel disse:"Eu acho isso errado."

"Pole é o tempo de volta mais rápido alcançado, ou o tempo de volta mais rápido na classificação."

"Fica um pouco confuso. Mas obviamente depende. Se for um caso isolado, não fará muito mal."

"Mas, se acabarmos tendo 10 corridas sprint no próximo ano ou no futuro, acho que é um pouco estranho. Então, a pole position deve ir para o cara que for mais rápido em uma volta."

Após os comentários iniciais de Vettel, Esteban Ocon disse "então chamamos classificação sprint, corrida sprint?", ao que o tetracampeão mundial respondeu: "Certamente, eles poderiam [apenas] inventar 'sprint pole' ou algo assim."

"É um novo formato, então eles não a tinham há 50 anos, e agora nós a temos. Depois, apenas adicionamos uma nova coluna às estatísticas."

A corrida sprint de classificação deve reaparecer no calendário de 2021 da F1 no GP da Itália e, em seguida, em mais uma etapa a ser definida.

Há muito se esperava que a terceira corrida fosse o GP de São Paulo, em Interlagos, mas isso será confirmado no final do ano, com as incertezas em torno de várias etapas na segunda metade da temporada de 2021 devido à pandemia do coronavírus.

compartilhar
comentários
F1: FIA diz que carros de 2022 não farão corridas melhores "da noite para o dia"
Artigo anterior

F1: FIA diz que carros de 2022 não farão corridas melhores "da noite para o dia"

Próximo artigo

F1: Veja quais são as principais mudanças técnicas dos carros de 2022

F1: Veja quais são as principais mudanças técnicas dos carros de 2022
Carregar comentários