Ficando no Q1, Nasr vê maior equilíbrio dos carros em Spa

Piloto da Sauber também espera que critérios de punições, como a que ele recebeu, sejam mantidas para a prova de domingo

Ficando no Q1, Nasr vê maior equilíbrio dos carros em Spa
Felipe Nasr, Sauber C35
Felipe Nasr, Sauber C35
Felipe Nasr, Sauber C35
Felipe Nasr, Sauber C35
Felipe Nasr, Sauber C35
Felipe Nasr, Sauber F1 Team
Felipe Nasr, Sauber C35
Carregar reprodutor de áudio

Neste sábado (27) Felipe Nasr conseguiu  marcar o 17° tempo no Q1, o que o impossibilitou de seguir na classificação e conseguir mais postos à frente. Com a punição a Esteban Gutierrez, o brasileiro ganhou a 16° posição no grid.

Antes do resultado final, ele comentou seu desempenho no treino e a volta em que quase o colocou na segunda parte.

"Acho que foi uma volta boa ali no final", disse Nasr ao SporTV. "Fizemos pequenos ajustes no meio da sessão e acho que nos ajudou a melhorar com o segundo set de pneus. Faltou um pouco no setor 3, o carro já vinha escorregando, mas deu para encaixar bem uma volta aqui."

Se serve de consolação, mesmo não podendo avançar, Nasr comemora melhor colocação do que a 21ª posição na classificação da Alemanha.

"Os carros estão muito próximos. Uma pena que não fomos para o Q2, mas pelo menos fomos melhores, em comparação à classificação da última corrida, o que é um ponto positivo."

Nas não achou injusta a punição que recebeu durante o treino, quando ultrapassou os limites da pista e teve um tempo melhor que os 1min48s949. A marca foi descartada e impossibilitou o avanço do piloto da Sauber.

"Foi avisado. Se eles mantiverem essa postura na corrida, acho que é o ideal, mas acontece", lamentou.

compartilhar
comentários
Raikkonen fala que poderia ter conquistado pole position
Artigo anterior

Raikkonen fala que poderia ter conquistado pole position

Próximo artigo

Hamilton vê Bélgica como pior corrida para trocar motor

Hamilton vê Bélgica como pior corrida para trocar motor