Fittipaldi lamenta 19º posição por problema no motor e agradece oportunidade da Haas

Piloto brasileiro de 24 anos substituiu Romain Grosjean nas últimas duas corridas da temporada

Fittipaldi lamenta 19º posição por problema no motor e agradece oportunidade da Haas

O brasileiro Pietro Fittipaldi fez sua segunda corrida na Fórmula 1 neste domingo (13) em Abu Dhabi e terminou na 19ª colocação com a Haas no Circuito de Yas Marina. Campeão da World Series em 2017, o piloto de 24 anos valorizou a evolução em tão pouco tempo com a equipe americana, mas lamentou um problema de motor durante a prova deste final de semana.

“Eu estava muito mais confiante vindo para esta corrida da classificação - onde estivemos muito competitivos. Foi um início de corrida louco, mas corremos muito melhor. Começamos a ganhar ritmo no início, consegui ultrapassar o Kevin (Magnussen) e estava alcançando o Latifi lá na primeira metade da corrida”, disse Pietro, que fez a oitava volta mais rápida da corrida, 0s292 à frente do giro mais rápido de Magnussen.

Leia também:

Fittipaldi também aproveitou para agradecer a oportunidade concedida pela Haas, que escolheu o brasileiro para substituir Romain Grosjean nas últimas duas provas da temporada. O francês sofreu um forte acidente no GP do Bahrein e segue em recuperação após sofrer queimaduras nas mãos.

“Infelizmente, acho que então tivemos um problema de superaquecimento, que exigiu um pit stop para consertar, acabando com a nossa corrida. Mas fiquei muito contente com a forma como progredimos e com o ritmo inicial que tínhamos”, afirmou Pietro.

“A equipe fez um ótimo trabalho comigo em tão pouco tempo, eles realmente me ajudaram a me preparar. Fiquei muito feliz por esta oportunidade e sou muito grato por ela”, completou.

O dia também foi de despedida na equipe americana, já que Magnussen correu pela última vez com a Haas. O dinamarquês não teve seu contrato renovado, com a equipe optando por fechar com dois jovens pilotos para 2021.

O time americano fechou com Mick Schumacher, campeão da F2 em 2020, e com Nikita Mazepin, quinto colocado na F2 que já se envolveu em polêmica após ser confirmado pela Haas como piloto para o ano que vem. O piloto russo foi acusado de assédio após vídeo publicado em suas redes sociais em que apalpava os seios de uma mulher e está sob investigação interna na Haas.

Chefe de equipe da Haas na F1, Guenther Steiner lamentou o dia ruim da equipe em Abu Dhabi neste domingo. “Não é como queríamos terminar a temporada e a última corrida de Kevin. Não tínhamos mais hoje. Não só não tivemos ritmo, como tivemos um problema com o motor de Pietro - então ele teve que entrar e fazer a manutenção, o que o deixou ainda mais para trás”, disse Steiner.

“Agora, apenas olhamos para o próximo ano. Tentaremos fazer o nosso melhor para sair do buraco em que estamos no momento. Todos vão colocar seu esforço e eu vou me certificar de que o façam”, completou.

Todas as notícias sobre o GP de Abu Dhabi de F1 você acompanha no Motorsport.com e em nosso canal no YouTube. Fique por dentro de todas as novidades e análises, além de conferir nossos programas e vídeos!

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

PÓDIO: Verstappen fecha temporada em alta; veja debate sobre os melhores do ano

PODCAST: 'Show' de Russell pode gerar problema para Mercedes?

 

compartilhar
comentários
F1: Albon sente que "fez de tudo" para manter assento na Red Bull

Artigo anterior

F1: Albon sente que "fez de tudo" para manter assento na Red Bull

Próximo artigo

VÍDEO: Vettel encerra passagem pela Ferrari com música e cerveja

VÍDEO: Vettel encerra passagem pela Ferrari com música e cerveja
Carregar comentários