Fórmula 1
27 jun
-
30 jun
Evento encerrado
11 jul
-
14 jul
Evento encerrado
25 jul
-
28 jul
Evento encerrado
01 ago
-
04 ago
Evento encerrado
R
GP da Bélgica
29 ago
-
01 set
Próximo evento em
4 dias
05 set
-
08 set
Próximo evento em
11 dias
R
GP de Singapura
19 set
-
22 set
26 set
-
29 set
Próximo evento em
32 dias
10 out
-
13 out
Próximo evento em
46 dias
24 out
-
27 out
Próximo evento em
60 dias
31 out
-
03 nov
Próximo evento em
67 dias
14 nov
-
17 nov
R
GP de Abu Dhabi
28 nov
-
01 dez
Próximo evento em
95 dias

Force India: Sexto seria mais fácil sem acidente em Singapura

compartilhar
comentários
Force India: Sexto seria mais fácil sem acidente em Singapura
18 de out de 2018 16:59

Chefe da equipe lamenta batida entre Perez e Ocon na largada em Marina Bay, mas vê ainda top-6 entre construtores possível

Para Otmar Szafnauer, chefe da Force India, o time poderia facilmente garantir o sexto lugar no campeonato de construtores se Sergio Perez e Esteban Ocon não tivessem batido na primeira volta do GP de Singapura.

A Force India está 15 pontos atrás da McLaren com quatro corridas pela frente, mas pode perder quatro pontos se a apelação da Haas contra a desqualificação de Romain Grosjean no GP da Itália for aceita.

Falando antes do GP do Japão, onde a equipe marcou oito pontos, Szafnauer disse que a Force India precisa superar a McLaren em cinco pontos a cada corrida.

“Sexto, se não tivéssemos tido o incidente de Singapura, teria sido bem fácil”, disse Szafnauer.

“Com o incidente de Singapura, permitimos que a McLaren marcasse três pontos extras e perdemos dez.”

“Olhe dessa maneira, nós estávamos 10 ou 11 pontos atrás, com cinco corridas pela frente. Era muito realizável. Mas agora é difícil, temos que marcar 24 pontos em cinco corridas, o que significa que você precisa marcar pelo menos cinco pontos por corrida.”

“Mas eu acho que o sexto lugar ainda é possível.”

“Temos de nos certificar de que teremos dois carros nos pontos em cada corrida, que vamos nos qualificar bem e correr bem. Eu acho que somos capazes.”

“Temos que estar à frente da McLaren em todas as corridas, por isso, se algo acontecer na frente, ainda teremos mais pontos do que eles.”

Próximo artigo
Chefe da Toro Rosso: F1 deveria banir defletores dos carros

Artigo anterior

Chefe da Toro Rosso: F1 deveria banir defletores dos carros

Próximo artigo

Hamilton: Schumacher vai chegar à Fórmula 1

Hamilton: Schumacher vai chegar à Fórmula 1
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1