GALERIA: Ajudas especiais entre companheiros de equipe

compartilhar
comentários
GALERIA: Ajudas especiais entre companheiros de equipe

Vários fatores proporcionaram a vitória de Lewis Hamilton no GP da Espanha de 2017. Uma ação rápida no safety car virtual, a estratégia ideal e uma ultrapassagem cirúrgica compuseram o triunfo do piloto inglês em Barcelona.

Porém, Hamilton também teve um valioso auxílio de Valtteri Bottas, que soube segurar Sebastian Vettel atrás de si em um momento crucial para a disputa.

Um piloto auxiliando seu companheiro de equipe não é algo exatamente raro. Por isso, lembramos outros episódios em que isso aconteceu – não estamos falando de ajudas explícitas, como quando alguém dá passagem ao seu colega, e sim de disputas que também envolvem outros concorrentes. 

Galeria
Lista

Bottas teve seu peso na vitória de Hamilton em Barcelona. O finlandês segurou Vettel atrás de si após o pitstop do alemão, o que fez com que Hamilton ganhasse tempo.

Bottas teve seu peso na vitória de Hamilton em Barcelona. O finlandês segurou Vettel atrás de si após o pitstop do alemão, o que fez com que Hamilton ganhasse tempo.
1/12

Foto de: Andrew Hone / Motorsport Images

Bottas teve seu peso na vitória de Hamilton em Barcelona. O finlandês segurou Vettel atrás de si após o pitstop do alemão, o que fez com que Hamilton ganhasse tempo.

Bottas teve seu peso na vitória de Hamilton em Barcelona. O finlandês segurou Vettel atrás de si após o pitstop do alemão, o que fez com que Hamilton ganhasse tempo.
2/12

Foto de: Andrew Hone / Motorsport Images

No GP do Japão de 97, Irvine foi o escudeiro perfeito para Schumacher. O piloto ultrapassou e depois segurou Villeneuve, o que permitiu a Schumacher ter uma vitória importante para suas chances de título.

No GP do Japão de 97, Irvine foi o escudeiro perfeito para Schumacher. O piloto ultrapassou e depois segurou Villeneuve, o que permitiu a Schumacher ter uma vitória importante para suas chances de título.
3/12

Foto de: Sutton Motorsport Images

Schumacher retribuiu o favor a Irvine na Malásia, em 99. Quando o colega lutava pelo título, o futuro heptacampeão atuou como escudeiro ao bloquear Hakkinen e permitir a vitória de Irvine.

Schumacher retribuiu o favor a Irvine na Malásia, em 99. Quando o colega lutava pelo título, o futuro heptacampeão atuou como escudeiro ao bloquear Hakkinen e permitir a vitória de Irvine.
4/12

Foto de: Sutton Motorsport Images

No GP do Japão de 91, Senna usou a ajuda de Berger: quando Mansell precisava vencer, deixou o colega disparar na frente e ele próprio bloqueou o inglês. Deu resultado, já que Mansell abandonou e selou o tri de Senna.

No GP do Japão de 91, Senna usou a ajuda de Berger: quando Mansell precisava vencer, deixou o colega disparar na frente e ele próprio bloqueou o inglês. Deu resultado, já que Mansell abandonou e selou o tri de Senna.
5/12

Foto de: Sutton Motorsport Images

Até rivais podem se ajudar: Rosberg, que lutava pelo título com Hamilton, abriu espaço ao colega e segurou alguns rivais no GP de Mônaco de 2016. Isso foi fundamental para que Hamilton vencesse pela primeira vez no ano.

Até rivais podem se ajudar: Rosberg, que lutava pelo título com Hamilton, abriu espaço ao colega e segurou alguns rivais no GP de Mônaco de 2016. Isso foi fundamental para que Hamilton vencesse pela primeira vez no ano.
6/12

Foto de: XPB Images

Até rivais podem se ajudar: Rosberg, que lutava pelo título com Hamilton, abriu espaço ao colega e segurou alguns rivais no GP de Mônaco de 2016. Isso foi fundamental para que Hamilton vencesse pela primeira vez no ano.

Até rivais podem se ajudar: Rosberg, que lutava pelo título com Hamilton, abriu espaço ao colega e segurou alguns rivais no GP de Mônaco de 2016. Isso foi fundamental para que Hamilton vencesse pela primeira vez no ano.
7/12

Foto de: XPB Images

Barrichello esteve presente em um momento importante da disputa em 2003. Nos EUA, o brasileiro segurou Montoya, postulante ao título, e acabou sofrendo um toque. Com a punição e uma corrida pouco competitiva, o colombiano deixou a disputa pelo título.

Barrichello esteve presente em um momento importante da disputa em 2003. Nos EUA, o brasileiro segurou Montoya, postulante ao título, e acabou sofrendo um toque. Com a punição e uma corrida pouco competitiva, o colombiano deixou a disputa pelo título.
8/12

Foto de: Shell Motorsport

Heidfeld teve seu peso na vitória de Kubica no Canadá, em 2008. O alemão liberou espaço para seu colega e segurou os rivais atrás, já que estava com o carro mais pesado. Assim, a BMW obteve sua única vitória - e dobradinha.

Heidfeld teve seu peso na vitória de Kubica no Canadá, em 2008. O alemão liberou espaço para seu colega e segurou os rivais atrás, já que estava com o carro mais pesado. Assim, a BMW obteve sua única vitória - e dobradinha.
9/12

Foto de: XPB Images

Heidfeld teve seu peso na vitória de Kubica no Canadá, em 2008. O alemão liberou espaço para seu colega e segurou os rivais atrás, já que estava com o carro mais pesado. Assim, a BMW obteve sua única vitória - e dobradinha.

Heidfeld teve seu peso na vitória de Kubica no Canadá, em 2008. O alemão liberou espaço para seu colega e segurou os rivais atrás, já que estava com o carro mais pesado. Assim, a BMW obteve sua única vitória - e dobradinha.
10/12

Foto de: XPB Images

Massa teve importância em lances fundamentais no GP do Brasil de 2012. Quando Alonso tentava o título, fez uma manobra que permitiu ao espanhol ganhar duas posições, o que o colocava momentaneamente na posição de campeão.

Massa teve importância em lances fundamentais no GP do Brasil de 2012. Quando Alonso tentava o título, fez uma manobra que permitiu ao espanhol ganhar duas posições, o que o colocava momentaneamente na posição de campeão.
11/12

Foto de: XPB Images

Em sua primeira vitória na F1, Mansell teve o auxílio de seu companheiro Rosberg. Após ter problemas, o finlandês bloqueou Senna, que liderava, e permitiu a ultrapassagem de Mansell.

Em sua primeira vitória na F1, Mansell teve o auxílio de seu companheiro Rosberg. Após ter problemas, o finlandês bloqueou Senna, que liderava, e permitiu a ultrapassagem de Mansell.
12/12

Foto de: Jean-Philippe Legrand

Carey: Gesto da Ferrari não ocorreria com antigo dono da F1

Artigo anterior

Carey: Gesto da Ferrari não ocorreria com antigo dono da F1

Próximo artigo

Coluna do Massa: Toque com Alonso custou o 4º lugar

Coluna do Massa: Toque com Alonso custou o 4º lugar
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1