F1: Gasly lamenta eliminação no Q1 do GP da Toscana, mas espera ritmo forte na corrida

Francês ficou a meio décimo de Sebastian Vettel, último classificado para o Q2

F1: Gasly lamenta eliminação no Q1 do GP da Toscana, mas espera ritmo forte na corrida

Embalado com a vitória no GP da Itália, em Monza, no último domingo (06), Pierre Gasly não conseguiu repetir a boa performance da semana passada e acabou eliminado no Q1 da classificação para o GP da Toscana. O piloto francês larga da oitava fila, na 16ª posição, e viu seu companheiro de equipe, Danill Kyvat, marcar o 12º tempo.

Gasly ficou a meio décimo do 15º colocado, Sebastian Vettel, e lamentou “pequenos erros” cometidos durante a classificação: “Forçamos mais o motor e eu fiquei sem energia (ERS) a 300 metros da linha de chegada, o que nos custou mais de um décimo, e quando vamos a diferença, foi apenas meio décimo para o Q2.”

Leia também:

Apesar da fraca classificação, o francês espera melhor ritmo na corrida: “Sabemos que somos mais rápidos do que onde estamos agora e que a classificação era muito importante neste circuito, pois não vai ser fácil de ultrapassar. Vamos trabalhar em algo diferente na estratégia e usar o ritmo do carro que vimos no fim de semana para nos recuperarmos.”

Q4: Tudo da classificação para o GP da Toscana de F1, em Mugello; Motorsport.com e convidados debatem

PODCAST: Vitória de Gasly prova que F1 é ambiente 'onde os fracos não têm vez'?

 

compartilhar
comentários
F1: Hamilton desbanca Bottas e crava pole em Mugello; Leclerc é 5º

Artigo anterior

F1: Hamilton desbanca Bottas e crava pole em Mugello; Leclerc é 5º

Próximo artigo

PLACAR F1: 'Virou passeio?' Hamilton abre 7 a 2 sobre Bottas

PLACAR F1: 'Virou passeio?' Hamilton abre 7 a 2 sobre Bottas
Carregar comentários