GP do México não renovará acordo para continuar recebendo F1, diz TV

Contrato que prevê última prova em 2019 não será estendido, segundo ESPN Latina

GP do México não renovará acordo para continuar recebendo F1, diz TV

O GP do México, que se destacou nos últimos por ter sido sempre elogiado por pilotos, equipes e dirigentes da F1, e que sempre teve o apoio maciço dos fãs, deve ter sua última prova na categoria em 2019.

Segundo a ESPN Latina, os governos locais e federal e a Corporación Interamericana de Entretenimiento (CIE), que organiza o evento, não chegaram a um acordo com o Grupo Liberty Media, detentor dos direitos comerciais da F1.

Leia também:

Segundo a emissora, a chefe de governo, Claudia Sheinbaum, preferiu não comentar o assunto.

A saída do GP do México para 2020 coincide com a volta do GP da Holanda e a estreia do GP do Vietnã. Rumores indicam que a Espanha também poderá perder espaço no calendário da maior categoria do automobilismo mundial.

O GP do Brasil tem contrato com a F1 até 2020 com Interlagos, não se sabendo qual será o próximo destino do evento brasileiro.

Fernando Alonso, McLaren MCL33 at the start of the race

Fernando Alonso, McLaren MCL33 at the start of the race

Photo by: Jose Rubio / Sutton Images

compartilhar
comentários
Mazepin coloca Mercedes na frente no último teste em Barcelona; Sette Câmara tem problemas

Artigo anterior

Mazepin coloca Mercedes na frente no último teste em Barcelona; Sette Câmara tem problemas

Próximo artigo

Chefe da Mercedes diz que vencer todas as corridas de 2019 é irreal

Chefe da Mercedes diz que vencer todas as corridas de 2019 é irreal
Carregar comentários