Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
25 dias
06 mai
Próximo evento em
67 dias
20 mai
Próximo evento em
81 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
95 dias
10 jun
Próximo evento em
102 dias
24 jun
Próximo evento em
116 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
123 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
137 dias
29 jul
Próximo evento em
151 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
179 dias
02 set
Próximo evento em
186 dias
09 set
Próximo evento em
193 dias
23 set
Próximo evento em
207 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
214 dias
07 out
Próximo evento em
221 dias
21 out
Próximo evento em
235 dias
28 out
Próximo evento em
242 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
278 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
287 dias

Haas: Pietro nos ajudará saber quão bom nosso simulador é

Chefe de escuderia norte-americana, Gunther Steiner ressalta papel de brasileiro na primeira semana de testes da F1

compartilhar
comentários
Haas: Pietro nos ajudará saber quão bom nosso simulador é

Pietro Fittipaldi, piloto de testes da Haas, deve entrar na pista no circuito de Barcelona, durante os testes de pré-temporada da F1 na quarta e quinta-feira, tendo a companhia de Romain Grosjean e Kevin Magnussen em cada um dos dias.

Para o chefe da Haas, Gunther Steiner, o trabalho do neto de Emerson Fittipaldi será importante sob outro aspecto: o do simulador da equipe.

“Pietro é nosso piloto de testes e ele está fazendo muito trabalho de simulador”, disse Steiner nesta segunda-feira na Catalunha. “Queremos investir algum dinheiro, então ele precisa guiar o carro real para que possa correlacioná-lo ao simulador.”

“Quer dizer, ele fez um bom trabalho no ano passado em Abu Dhabi, então precisamos apenas dar tempo a ele, e que o que concordamos com ele é que ele vai testar. Nós o preparamos.”

Leia também:

Com a presença do piloto brasileiro na Espanha, Steiner vê além do trabalho de Pietro na própria equipe.

“Deve haver algum assento disponível a qualquer momento na F1, queremos que ele esteja preparado para isso. Mas também do outro lado, precisamos aprender o quão bom é o nosso programa de simulador.”

Ricciardo: ficar na Red Bull era mais arriscado que ir à Renault

Artigo anterior

Ricciardo: ficar na Red Bull era mais arriscado que ir à Renault

Próximo artigo

Pirelli apresenta pneus com superfícies brilhantes

Pirelli apresenta pneus com superfícies brilhantes
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Oleg Karpov