Hamilton: tentativa de deixar F1 barulhenta não deu certo

Tricampeão do mundo fala que não conseguiu notar diferença após alterações da FIA nos escapamentos

Hamilton: tentativa de deixar F1 barulhenta não deu certo
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 Team W07
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 Team W07 and Sebastian Vettel, Ferrari SF16-H battle for position
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 Team W07
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 Team W07 and Sebastian Vettel, Ferrari SF16-H battle for position
Carregar reprodutor de áudio

Uma das maiores críticas feitas pelos fãs desde 2014, quando o novo regulamento de motores híbridos entrou em vigor, o barulho dos carros esteve nos últimos dois anos sendo tratado como um dos grandes problemas da categoria.

Para este ano, para tentar solucionar o problema, se tornou obrigatório que as fabricantes de motores colocassem um ou dois tubos de escapamento.

No entanto, segundo o atual tricampeão da Fórmula 1, Lewis Hamilton, esta tentativa foi em vão, já que o volume continuou baixo.

"Você conseguiu ouvir a diferença?", perguntou ao The Mirror. "Você tem que ter um bom ouvido para escutar estas mudanças.”

"Não há diferença. Zero. Eu não acho que esteja soando bem."

Hamilton pede aos chefes da F1 que aumentem o volume aos níveis que gostava quando era criança, na década de 1990. 

compartilhar
comentários
GP do México considera aumentar capacidade de público
Artigo anterior

GP do México considera aumentar capacidade de público

Próximo artigo

Ricciardo espera que bom desempenho não seja exceção em 2016

Ricciardo espera que bom desempenho não seja exceção em 2016