Haryanto estima que tem 50% de chance de volta à F1 em 2017

Piloto que competiu em 12 etapas em 2016, avalia retorno à categoria para próxima temporada

Haryanto estima que tem 50% de chance de volta à F1 em 2017
Rio Haryanto, Manor Racing
Rio Haryanto, Manor Racing MRT MRT05
Rio Haryanto, Manor Racing
Rio Haryanto, Manor Racing MRT05
Rio Haryanto, Manor Racing
Alexander Rossi, Manor Racing Reserve Driver; Jordan King, Manor Racing Development Driver; and Rio Haryanto, Manor Racing; walk the circuit with the team
Rio Haryanto, Manor Racing

Rio Haryanto participou da primeira metade da temporada 2016 como piloto da Manor, ao lado de Pascal Wehrlein, mas perdeu o assento para Esteban Ocon durante as férias de verão.

A partir do GP da Alemanha, ele assumiu o papel de piloto reserva da escuderia, e agora está trabalhando por um lugar na próxima temporada.

"É uma pena que não pude fazer a temporada completa com a Manor neste ano, mas apesar de tudo, eu ainda estou aqui para aprender", disse Haryanto ao Motorsport.com.

"Tudo está indo muito bem e eu estou trabalhando para voltar no próximo ano, com certeza."

"Há algumas boas opções. Acho que as chances ainda são, eu diria, de 50%. Vamos ver, espero ter uma boa notícia para o ano que vem."

Perguntado se estava tentando o retorno ao cockpit da Manor ou analisando outras equipes, Haryanto não quis abrir o jogo: "estamos vendo algumas opções. Com certeza, uma delas é a Manor."

O indonésio também insistiu que ainda não está pensando em oportunidades fora da F1.

"Neste momento, a prioridade ainda é a Fórmula 1. Eu ainda não avalio estar em outras categorias, a principal prioridade e que eu quero, é estar na Fórmula 1."

Entrevistado por Erwin Jaeggi

compartilhar
comentários
GP do Canadá espera renovar e confirmar prova em 2017

Artigo anterior

GP do Canadá espera renovar e confirmar prova em 2017

Próximo artigo

Coluna do Massa: Por que o GP dos EUA deixou um gosto amargo

Coluna do Massa: Por que o GP dos EUA deixou um gosto amargo
Carregar comentários