Fórmula 1
07 ago
Treino Livre 3 em
08 Horas
:
30 Minutos
:
07 Segundos
04 set
Próximo evento em
26 dias
R
GP da Toscana
11 set
Próximo evento em
33 dias
R
GP de Singapura
17 set
Canceled
R
GP da Rússia
25 set
Próximo evento em
47 dias
R
GP do Japão
08 out
Canceled
R
GP dos Estados Unidos
23 out
Canceled
R
GP do México
30 out
Canceled
R
GP do Brasil
13 nov
Canceled
R
GP de Abu Dhabi
27 nov
Próximo evento em
110 dias

Hulkenberg vê Haas como maior ameaça à Renault por 4º lugar

compartilhar
comentários
Hulkenberg vê Haas como maior ameaça à Renault por 4º lugar
11 de jul de 2018 21:10

Piloto alemão acredita que time norte-americano continua a ser o mais rápido do meio do grid da Fórmula 1

Nico Hulkenberg acredita que a Haas superou a McLaren na hierarquia da Fórmula 1 e está rapidamente se firmando como a maior ameaça da Renault na batalha de 2018 pelo quarto lugar entre os construtores.

Quando perguntado se ele acha que a Haas agora representa um problema para a Renault, Hulkenberg respondeu: “Parece que agora e desde os últimos fins de semana. Eu acho que isso mudou, a McLaren parece ter perdido um pouco”.

“Nós os levamos a sério porque são rápidos. Como eles chegaram em nós, não é importante para mim, mas eles são fortes no momento e só temos que lidar com isso. Eles cumpriram seu potencial na Áustria, mas antes tiveram problemas. O momento às vezes oscila, mas no final do dia eles têm um carro forte e um bom pacote.”

"Se você olhar, talvez não as últimas duas corridas, mas antes disso, temos sido a equipe mais consistente e é por isso que nos encontramos na quarta posição", acrescentou.

"Tivemos algumas dificuldades e problemas técnicos, mas esperamos que passemos por eles agora e que possamos recuperá-los e nos estabilizar onde queremos estar."

Seu companheiro de equipe, Carlos Sainz, concordou e acrescentou que a Renault tem que fazer melhorias para manter o quarto lugar entre os construtores.

“Em Paul Ricard, nós nos classificamos a 0s4, na Áustria a 0s7, então é muito tempo. Nós reduzimos na corrida, o que é uma boa notícia para nós, mas sabemos o quão importante é a qualificação”, disse ele.

"Vamos ter algumas boas batalhas se eles conseguirem bons resultados. Eles definitivamente subirão um pouco."

 

COTA: F1 se arrisca ao diluir fãs dos EUA com prova em Miami

Artigo anterior

COTA: F1 se arrisca ao diluir fãs dos EUA com prova em Miami

Próximo artigo

GALERIA: Veja clássicos da F1 na pista de Silverstone

GALERIA: Veja clássicos da F1 na pista de Silverstone
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1