Kvyat está perto de renovar com Toro Rosso

Chefe da Red Bull admite que acordo com russo está próximo, o que significa falta de mudança para o próximo ano nos dois times da companhia de energéticos

Kvyat está perto de renovar com Toro Rosso
Max Verstappen, Red Bull Racing RB13, Fernando Alonso, McLaren MCL32, Daniil Kvyat, Scuderia Toro Rosso STR12 collide
Carlos Sainz Jr., Scuderia Toro Rosso STR12 leads Daniil Kvyat, Scuderia Toro Rosso STR12
Daniil Kvyat, Scuderia Toro Rosso STR12
Daniil Kvyat, Scuderia Toro Rosso
Daniil Kvyat, Scuderia Toro Rosso STR12
Daniil Kvyat, Scuderia Toro Rosso STR12, Fernando Alonso, McLaren MCL32, Max Verstappen, Red Bull Racing RB13, collide at the start
Daniil Kvyat, Scuderia Toro Rosso STR12, Fernando Alonso, McLaren MCL32, Max Verstappen, Red Bull Racing RB13, collide at the start
Carregar reprodutor de áudio

Daniil Kvyat marcou apenas quatro pontos nas primeiras nove corridas da temporada, em comparação com os 29 que o companheiro de equipe, Carlos Sainz.

Mas, apesar de outra prova difícil na Áustria, em que Kvyat desencadeou um incidente na primeira volta, o que levou o abandono de Max Verstappen, a Red Bull diz que mantém a fé no piloto, dada a boa velocidade que ele desempenhou neste ano.

O chefe da Red Bull, Christian Horner, disse: "Ele julgou mal seu ponto de frenagem e Max foi uma vítima disso."

Com a Red Bull tendo assegurado a Sainz um acordo para o próximo ano, Horner disse que Kvyat provavelmente também seria confirmado na Toro Rosso.

Quando perguntado se a definição por Kvyat havia sido tomada, Horner disse: "Ainda não, mas não consigo ver um cenário onde ele não estará."

"Ele realmente conduziu uma temporada bastante sensata até agora, então há a possibilidade é retome os resultados em breve."

As notícias sobre Kvyat e Sainz serão ruins para o reserva da Red Bull, Pierre Gasly, que esperava que uma oportunidade se abrisse na Toro Rosso em 2018.

A falta de mudanças na Toro Rosso vem de encontro com o mesmo cenário na Red Bull, tendo Daniel Ricciardo e Max Verstappen sob contrato para o próximo ano também.

Houve conversas de que a Ferrari estava tentando atrair Verstappen e até mesmo reportagens sobre durante o fim de semana da Áustria de que o holandês pediu para deixar seu time atual.

Mas Horner reiterou que Verstappen não iria a lugar algum, até 2020.

"É um lixo total", disse Horner sobre as matérias. "Ele tem contrato para 2019. Depois, ele estará livre no mercado."

compartilhar
comentários
Hamilton quebra recorde, mas vive pior sequência desde 2014
Artigo anterior

Hamilton quebra recorde, mas vive pior sequência desde 2014

Próximo artigo

Bottas se anima: “com certeza vamos lutar pelo título”

Bottas se anima: “com certeza vamos lutar pelo título”