Fórmula 1
R
GP da Austrália
12 mar
-
15 mar
Próximo evento em
45 dias
19 mar
-
22 mar
Próximo evento em
52 dias
02 abr
-
05 abr
Próximo evento em
66 dias
16 abr
-
19 abr
Próximo evento em
80 dias
30 abr
-
03 mai
Próximo evento em
94 dias
07 mai
-
10 mai
Próximo evento em
101 dias
21 mai
-
24 mai
Próximo evento em
115 dias
R
GP do Azerbaijão
04 jun
-
07 jun
Próximo evento em
129 dias
11 jun
-
14 jun
Próximo evento em
136 dias
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
150 dias
R
GP da Áustria
02 jul
-
05 jul
Próximo evento em
157 dias
R
GP da Grã-Bretanha
16 jul
-
19 jul
Próximo evento em
171 dias
30 jul
-
02 ago
Próximo evento em
185 dias
R
GP da Bélgica
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
213 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
220 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Próximo evento em
234 dias
24 set
-
27 set
Próximo evento em
241 dias
08 out
-
11 out
Próximo evento em
255 dias
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
269 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
276 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
290 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
304 dias

McLaren ainda não está usando combustível da Petrobras na Fórmula 1

compartilhar
comentários
McLaren ainda não está usando combustível da Petrobras na Fórmula 1
Por:
16 de mar de 2019 10:08

Equipe havia planejado usar combustível e lubrificantes da estatal brasileira, algo que deve acontecer em algum momento da temporada

A McLaren ainda não fez a mudança para começar a utilizar combustível e lubrificantes da Petrobras na Fórmula 1 em 2019.

Leia também:

A parceria entre a equipe inglesa e a estatal brasileira começou no ano passado, apenas como patrocínio. O plano da McLaren era a partir de 2019 utilizar combustíveis e lubrificantes da Petrobras, mas isso ainda não aconteceu.

Para o Grande Prêmio da Austrália, a equipe britânica ainda não está utilizando os produtos da empresa brasileira.

"Ainda é um trabalho em andamento. Ainda não está no carro, mas nós antecipamos que estará em breve", disse Zak Brown, CEO da McLaren, ao Motorsport.

Fornecedores de combustível e lubrificantes têm se mostrado um diferencial na era dos motores V6 híbridos da Fórmula 1. A Ferrari segue sua parceria com a Shell, enquanto a Mercedes ganhou os cinco últimos títulos com a Petronas.

Como só a McLaren pretende usar os produtos da Petrobras, não ter testado a combinação do motor Renault da equipe com os novos combustíveis e lubrificantes na pré-temporada pode apresentar um problema.

"Quando fazemos nossos planos, nós nos certificamos de levar em consideração todas as dificuldades", disse o brasileiro Gil de Ferran, diretor esportivo da McLaren, no lançamento do carro da equipe em fevereiro.

Próximo artigo
Red Bull: Equipe deve pedido de desculpas a Gasly por "erro estúpido"

Artigo anterior

Red Bull: Equipe deve pedido de desculpas a Gasly por "erro estúpido"

Próximo artigo

Ralf Schumacher diz que Williams trabalha de forma antiquada

Ralf Schumacher diz que Williams trabalha de forma antiquada
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Equipes McLaren Compre Agora
Autor Scott Mitchell