McLaren ainda não está usando combustível da Petrobras na Fórmula 1

Equipe havia planejado usar combustível e lubrificantes da estatal brasileira, algo que deve acontecer em algum momento da temporada

McLaren ainda não está usando combustível da Petrobras na Fórmula 1

A McLaren ainda não fez a mudança para começar a utilizar combustível e lubrificantes da Petrobras na Fórmula 1 em 2019.

Leia também:

A parceria entre a equipe inglesa e a estatal brasileira começou no ano passado, apenas como patrocínio. O plano da McLaren era a partir de 2019 utilizar combustíveis e lubrificantes da Petrobras, mas isso ainda não aconteceu.

Para o Grande Prêmio da Austrália, a equipe britânica ainda não está utilizando os produtos da empresa brasileira.

"Ainda é um trabalho em andamento. Ainda não está no carro, mas nós antecipamos que estará em breve", disse Zak Brown, CEO da McLaren, ao Motorsport.

Fornecedores de combustível e lubrificantes têm se mostrado um diferencial na era dos motores V6 híbridos da Fórmula 1. A Ferrari segue sua parceria com a Shell, enquanto a Mercedes ganhou os cinco últimos títulos com a Petronas.

Como só a McLaren pretende usar os produtos da Petrobras, não ter testado a combinação do motor Renault da equipe com os novos combustíveis e lubrificantes na pré-temporada pode apresentar um problema.

"Quando fazemos nossos planos, nós nos certificamos de levar em consideração todas as dificuldades", disse o brasileiro Gil de Ferran, diretor esportivo da McLaren, no lançamento do carro da equipe em fevereiro.

compartilhar
comentários
Red Bull: Equipe deve pedido de desculpas a Gasly por "erro estúpido"

Artigo anterior

Red Bull: Equipe deve pedido de desculpas a Gasly por "erro estúpido"

Próximo artigo

Wolff diz que Mercedes ainda não sabe se é tão rápida quanto parece

Wolff diz que Mercedes ainda não sabe se é tão rápida quanto parece
Carregar comentários