Mercedes desiste de apelar contra punição de Rosberg

Equipe decidiu retirar o recurso da pena de 10 segundos do tempo de Nico Rosberg do GP da Grã-Bretanha que fez piloto perder uma posição

Mercedes desiste de apelar contra punição de Rosberg
Nico Rosberg, Mercedes AMG F1 W07 Hybrid
Nico Rosberg, Mercedes AMG F1 W07 Hybrid in parc ferme
Nico Rosberg, Mercedes AMG F1 celebrates his second position with the team
Nico Rosberg, Mercedes AMG F1 celebrates his second position in parc ferme
Nico Rosberg, Mercedes AMG F1 W07 Hybrid
Carregar reprodutor de áudio

A Mercedes tinha até a quinta-feira para decidir se gostaria de continuar com o processo de apelação da pena de 10 segundos imposta a Nico Rosberg, o que fez o piloto alemão perder o segundo lugar no GP da Grã-Bretanha.

Mas hoje a escuderia decidiu que iria aceitar a punição por quebrar regras de rádio da F1.

"A Equipe Mercedes AMG Petronas Fórmula 1 decidiu hoje retirar a sua notificação de intenção de recorrer contra a decisão dos comissários do GP da Grã-Bretanha", disse a equipe em comunicado.

"Fomos capazes de provar aos Comissários que uma falha na caixa de câmbio era iminente e, como tal, foram permitidos dentro das regras aconselhar Nico da alteração do modo desejado."

"No entanto, o conselho de se evitar sétima marcha foi considerado como violação do regulamento esportivo."

"A equipe aceita a interpretação do regulamento, a sua decisão e a pena dos comissários."

"Durante as próximas semanas, vamos continuar as discussões com as partes interessadas sobre o tema e a regulamentação do esporte."

compartilhar
comentários
Symonds detona restrições de rádio "ridículas e negligentes"
Artigo anterior

Symonds detona restrições de rádio "ridículas e negligentes"

Próximo artigo

Após acidente a 200 km/h, Ericsson exalta segurança da F1

Após acidente a 200 km/h, Ericsson exalta segurança da F1
Carregar comentários