Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
67 dias
06 mai
Próximo evento em
109 dias
20 mai
Próximo evento em
123 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
137 dias
10 jun
Próximo evento em
144 dias
24 jun
Próximo evento em
158 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
165 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
179 dias
29 jul
Próximo evento em
193 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
221 dias
02 set
Próximo evento em
228 dias
09 set
Próximo evento em
235 dias
23 set
Próximo evento em
249 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
256 dias
07 out
Próximo evento em
263 dias
21 out
Próximo evento em
277 dias
28 out
Próximo evento em
284 dias
05 nov
Próximo evento em
292 dias
R
GP da Austrália
18 nov
Próximo evento em
305 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
320 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
329 dias

'Mercedes rosa': Racing Point explica como fez o novo carro de 2020

compartilhar
comentários
'Mercedes rosa': Racing Point explica como fez o novo carro de 2020
Por:

Diretor técnico da equipe, Andy Green pondera que o grande diferencial deste ano foi o dinheiro

Chamada de ‘Mercedes rosa’ por causa de seu bom desempenho na pré-temporada 2020 da Fórmula 1 e pela semelhança e relação com a montadora alemã, a Racing Point nega ter copiado completamente o carro prata de 2019 para fazer seu modelo deste ano: o RP20.

Segundo a equipe de meio de pelotão, não era possível ‘emular’ o carro alemão antes da temporada 2020, apesar dos laços com a marca germânica, devido aos recursos necessários para abandonar sua abordagem de design anterior.

Leia também:

De todo modo, o RP20 inspirou-se no design da Mercedes do ano passado, e isso foi possível por meio da utilização da suspensão, da caixa de câmbio e do túnel de vento das Flechas de Prata.

Alguns rivais estão descontentes com a mudança, porque acreditam que todas as equipes de F1 devem projetar e construir seus próprios carros. Já a Racing Point crê que só fez o que é permitido nas regras.

O diretor técnico Andrew Green disse que a decisão da equipe de abandonar seu próprio projeto para buscar algo totalmente diferente que foi provado por outra escuderia foi resultado de o time simplesmente ter dinheiro disponível para fazer a alteração.

“Não pudemos seguir esse caminho mais cedo. Nossas mãos estavam atadas financeiramente. Tivemos que transportar uma enorme quantidade de componentes de um ano para o outro”, afirmou.

“Não era possível fazer uma redefinição como fizemos agora. Não tínhamos recursos financeiros, não tínhamos as pessoas e também não tínhamos capacidade. É preciso muita mudança na infraestrutura para poder fazer o que acabamos de fazer”, ponderou.

“Faz sentido financeiramente trabalhar com um fabricante em alguns componentes. Contamos com a caixa de câmbio e o sistema hidráulico da Mercedes desde 2015 e apenas expandimos esse suprimento levemente para este ano”.

GALERIA: Relembre todos os carros da Racing Point/Force India na F1

2008: VJM01

2008: VJM01
1/13

Foto de: Glenn Dunbar / Motorsport Images

Pilotos: Adrian Sutil e Giancarlo Fisichella

2009: VJM02

2009: VJM02
2/13

Foto de: XPB Images

Pilotos: Adrian Sutil, Giancarlo Fisichella e Vitantonio Liuzzi

2010: VJM03

2010: VJM03
3/13

Foto de: Hazrin Yeob Men Shah

Pilotos: Adrian Sutil e Vitantonio Liuzzi

2011: VJM04

2011: VJM04
4/13

Foto de: Sutton Motorsport Images

Pilotos: Adrian Sutil e Paul di Resta

2012: VJM05

2012: VJM05
5/13

Foto de: Charles Coates / Motorsport Images

Pilotos: Paul di Resta, Nico Hulkenberg

2013: VJM06

2013: VJM06
6/13

Foto de: Patrik Lundin / Motorsport Images

Pilotos: Paul di Resta e Adrian Sutil

2014: VJM07

2014: VJM07
7/13

Foto de: Sutton Motorsport Images

Pilotos: Sergio Pérez e Nico Hulkenberg

2015: VJM08 / VJM08B

2015: VJM08 / VJM08B
8/13

Foto de: Sutton Motorsport Images

Pilotos: Sergio Pérez e Nico Hulkenberg

2016: VJM09

2016: VJM09
9/13

Foto de: Sutton Motorsport Images

Pilotos: Sergio Pérez e Nico Hulkenberg

2017: VJM10

2017: VJM10
10/13

Foto de: Glenn Dunbar / Motorsport Images

Pilotos: Sergio Pérez e Esteban Ocon

2018: VJM11

2018: VJM11
11/13

Foto de: Zak Mauger / Motorsport Images

Pilotos: Sergio Pérez e Esteban Ocon / Force India entre os GPs da Austrália e Hungria e Racing Point Force India da Bélgica até o final do ano

2019: RP19

2019: RP19
12/13

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

Pilotos: Sergio Pérez e Lance Stroll

2020: RP20

2020: RP20
13/13

Foto de: Racing Point

Pilotos: Lance Stroll e Sergio Pérez
Análise técnica: novidades da McLaren para a temporada 2020 da F1

Artigo anterior

Análise técnica: novidades da McLaren para a temporada 2020 da F1

Próximo artigo

F1: Ferrari nega ter escondido jogo durante a pré-temporada 2020

F1: Ferrari nega ter escondido jogo durante a pré-temporada 2020
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Jonathan Noble