Mick Schumacher: “Meu pai é meu ídolo e modelo a seguir”

Alemão de 19 anos quebra silêncio e fala do pai pela primeira vez desde acidente no fim de 2013

Mick Schumacher: “Meu pai é meu ídolo e modelo a seguir”
Mick Schumacher, Prema Powerteam, Dallara F317 - Mercedes-Benz
Mick Schumacher, Prema Powerteam with Nico Hulkenberg, Sahara Force India F1
Mick Schumacher, Mercedes-Benz Brand Ambassador
Mick Schumacher, Mercedes-Benz Brand Ambassador
Mick Schumacher, Prema Powerteam, Dallara F317 - Mercedes-Benz
Carregar reprodutor de áudio

Filho do heptacampeão Michael Schumacher, Mick Schumacher voltou a falar sobre seu pai. Vice-campeão da F4 italiana em 2016, o piloto de 19 anos atuará pela Prema Powerteam em 2017 na F3 europeia.

Mick não falava publicamente de seu pai desde o acidente de esqui sofrido por Michael em dezembro de 2013, na estação francesa de Meribel.

No teste da F3 europeia em Spielberg (Áustria), Schumacher disse à TV alemã RTL: "Meu pai é meu ídolo. É o meu modelo a seguir, simplesmente porque é o melhor".

O jovem piloto assinou na semana passada para ser embaixador da equipe Mercedes, time no qual seu pai correu entre 2010 e 2012 na F1.

"Meu objetivo é ser campeão do mundo de F1 e por isso eu estou trabalhando", disse o piloto da Prema. "Eu estou seguindo meu próprio caminho agora. O que o futuro reserva, vamos ver."

Recentemente, a equipe de Brackley retirou os adesivos #KeepFightingMichael de seus carros.

Jean Todt, presidente da FIA, disse de Mick Schumacher: "Ele é um cara maravilhoso, eu só queria que não lhe colocassem uma grande pressão."

compartilhar
comentários
Pesquisa Global: Alonso aparece como o mais popular da F1
Artigo anterior

Pesquisa Global: Alonso aparece como o mais popular da F1

Próximo artigo

Haas lamenta ter zerado na Austrália: “decepcionante”

Haas lamenta ter zerado na Austrália: “decepcionante”