Nasr aposta em motor de corrida para virar jogo

Brasileiro não demonstrou preocupação ao terminar segundo treino livre na última posição

Nasr aposta em motor de corrida para virar jogo
Felipe Nasr, Sauber C35
Felipe Nasr, Sauber C35
Felipe Nasr, Sauber C35
Felipe Nasr, Sauber C35
Carregar reprodutor de áudio

Baku segue sendo como mais um dos locais da F1 em que Felipe Nasr amarga resultados ruins por meio de sua Sauber número #12. Enquanto no primeiro treino livre ele terminou com a 21° melhor marca, no TL2, ele finalizou com o último tempo.

Tempos tão ruins tem uma explicação. Nasr utilizou uma unidade de potência que foi usada em Mônaco e que não estará no seu carro a partir de amanhã no TL3, treino classificatório e corrida de domingo.

E esse motivo deixa o brasileiro mais esperançoso em bons resultados a partir de sábado.

"No geral, foi importante hoje entrar em um bom ritmo nesta nova pista. No TL1 tivemos um problema no segundo jogo de pneus. O pneu traseiro esquerdo ficou danificado, então, por razões de segurança, eu não continuei."

"Perdi um pouco de tempo de pista, no entanto, fui capaz de me recuperar muito bem no TL2, mesmo o tempo de volta não mostrando isso."

"Corri hoje com o motor de treino. Devo ganhar um pouco mais de tempo de volta nas retas com o motor de corrida a partir de amanhã."

"O traçado da pista é muito dominado pela velocidade máxima, por isso estou confiante de melhorar nossos tempos amanhã."

compartilhar
comentários
FIA muda zebras e entrada dos pits da pista de Baku
Artigo anterior

FIA muda zebras e entrada dos pits da pista de Baku

Próximo artigo

Para Bottas, Williams "pode ser forte" nas ruas de Baku

Para Bottas, Williams "pode ser forte" nas ruas de Baku