Fórmula 1
R
GP da Austrália
12 mar
-
15 mar
Próximo evento em
50 dias
19 mar
-
22 mar
Próximo evento em
57 dias
02 abr
-
05 abr
Próximo evento em
71 dias
16 abr
-
19 abr
Próximo evento em
85 dias
30 abr
-
03 mai
Próximo evento em
99 dias
07 mai
-
10 mai
Próximo evento em
106 dias
21 mai
-
24 mai
Próximo evento em
120 dias
R
GP do Azerbaijão
04 jun
-
07 jun
Próximo evento em
134 dias
11 jun
-
14 jun
Próximo evento em
141 dias
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
155 dias
R
GP da Áustria
02 jul
-
05 jul
Próximo evento em
162 dias
R
GP da Grã-Bretanha
16 jul
-
19 jul
Próximo evento em
176 dias
30 jul
-
02 ago
Próximo evento em
190 dias
R
GP da Bélgica
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
218 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
225 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Próximo evento em
239 dias
24 set
-
27 set
Próximo evento em
246 dias
08 out
-
11 out
Próximo evento em
260 dias
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
274 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
281 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
295 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
309 dias

No 30º aniversário de morte, Vettel lembra Enzo Ferrari

compartilhar
comentários
No 30º aniversário de morte, Vettel lembra Enzo Ferrari
Por:
14 de ago de 2018 12:49

Piloto alemão comenta privilégio de guiar para Ferrari e lamenta não ter tido oportunidade de conhecer fundador

Hoje, 14 de agosto de 2018, Maranello se dedica a lembrar a pessoa mais importante para a história Ferrari. Enzo Ferrari, fundador do time, que morreu há exatos 30 anos, é uma das pessoas mais marcantes de toda a história da indústria automotiva.

Aproveitando a ocasião, Sebastian Vettel, piloto da Ferrari que está disputando o título mundial atualmente, comentou a carreira de Enzo e falou do privilégio que sente de trabalhar na Ferrari ao jornal La Stampa.

"Desde o primeiro dia que entrei na Ferrari, no final de 2014, eu ouvi que o espírito do fundador, o espírito de Enzo Ferrari, estava em toda parte em Maranello", começou Vettel.

"Eu nasci em 1987, apenas um ano antes da morte de Enzo Ferrari, então é claro que eu nunca fui capaz de encontrá-lo pessoalmente, e hoje eu só posso imaginar como seria uma reunião nossa. Mas eu sei que eu realmente queria conhece-lo, porque na minha opinião ele era uma pessoa especial, um homem com uma visão. E essa visão ainda está presente hoje na empresa e na escuderia que ele fundou."

"As pessoas que trabalham aqui, independentemente do papel que desempenham, sentem essa presença e trabalham com mais paixão, e isso é o que o torna especial guiar para a Ferrari, o que torna o Cavallino Rampante diferente de qualquer outro time. A Ferrari é um mito para todos, e para mim desde que eu brincava quando criança. O carro vermelho sempre foi meu favorito. E também mais tarde, quando acompanhava as corridas de Schumacher com o carro vermelho."

"A Ferrari é um mito, e os volantes da Ferrari na Fórmula 1 são apenas dois. Então, considero um privilégio e uma honra ser o piloto da Scuderia.”

Próximo artigo
Em visita à MotoGP, Brawn diz: “temos que melhorar a F1”

Artigo anterior

Em visita à MotoGP, Brawn diz: “temos que melhorar a F1”

Próximo artigo

Renault: "O objetivo é lutar pelo título em 2021"

Renault: "O objetivo é lutar pelo título em 2021"
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Sebastian Vettel Compre Agora
Equipes Ferrari Compre Agora
Autor Giacomo Rauli