Fórmula 1
06 mai
Próximo evento em
59 dias
20 mai
Próximo evento em
73 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
87 dias
10 jun
Próximo evento em
94 dias
24 jun
Próximo evento em
108 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
115 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
129 dias
29 jul
Próximo evento em
143 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
171 dias
02 set
Próximo evento em
178 dias
09 set
Próximo evento em
185 dias
23 set
Próximo evento em
199 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
206 dias
07 out
Próximo evento em
213 dias
21 out
Próximo evento em
227 dias
28 out
Próximo evento em
234 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
270 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
279 dias

Palmer ignora reclamação de Alonso: “Não me importo”

Piloto inglês diz que não fez nada de errado na manobra contra o espanhol e reclama que punição custou chance de lutar por pontos

compartilhar
comentários
Palmer ignora reclamação de Alonso: “Não me importo”

Jolyon Palmer afirmou que não se importa com a reclamação de Fernando Alonso após o desentendimento de ambos no GP da Itália, já que acredita que o piloto da McLaren o empurrou para fora da pista.

Alonso se mostrou furioso durante a corrida, quando Palmer não cedeu sua posição e ele após saída pista na chicane, quando ambos duelavam na freada.

 

Ele estava insatisfeito com o fato de que o piloto da Renault recebeu apenas uma punição de 5s dos comissários, dizendo que eles estavam “tomando uma cerveja” em vez de assistir à corrida.

Mas Palmer sente que a culpa inicial foi de Alonso.

“Eu estava à frente me aproximando da curva. Ele freou supertarde e me forçou para fora da pista”, disse Palmer à Sky Sports inglesa.

“Tenho certeza de que isso será discutido na próxima corrida, porque Fernando não está muito feliz quanto a isso. Mas eu não me importo.”

Palmer estava insatisfeito no início da semana com o veredito da FIA quanto ao duelo dos dois em Spa, e disse que a explicação da FIA tornam incidentes como esse de Monza inevitáveis.

“É o que pensei que poderia acontecer. Tivemos uma grande reunião e, s alguém está por dentro, você sabe que pode simplesmente soltar os freios. Se você estiver à frente na tomada, OK, mas o outro cara não tem para onde ir a não ser bater ou cortar a curva.”

“Eu cortei a curva, voltei lado a lado e consegui fazer a curva seguinte.”

Palmer acabou abandonando a prova, o que Alonso descreveu como “carma”. O inglês considera que a punição que precisou pagar custou a chance de se aproximar dos pontos na corrida.

“Parecíamos estar bem durante a corrida, e então os cinco segundos na parada nos deixaram muito atrás”, acrescentou, tendo ocupado o 11º lugar antes de sua parada.

“O ritmo estava bom, mais rápido que aqueles no grupo da frente nos pontos. É uma pena que, com os pneus supermacios, não tive a chance de alcançar e ultrapassar alguns pilotos.”

Magnussen se irrita com fechada, Verstappen dá de ombros

Artigo anterior

Magnussen se irrita com fechada, Verstappen dá de ombros

Próximo artigo

Pérez: "Tivemos um ótimo ritmo de corrida"

Pérez: "Tivemos um ótimo ritmo de corrida"
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Itália
Localização Autodromo Nazionale Monza
Pilotos Fernando Alonso , Jolyon Palmer
Equipes McLaren , Renault F1 Team
Autor Glenn Freeman