Fórmula 1
29 ago
-
01 set
Evento encerrado
05 set
-
08 set
Evento encerrado
19 set
-
22 set
Evento encerrado
26 set
-
29 set
Evento encerrado
10 out
-
13 out
Evento encerrado
31 out
-
03 nov
Próximo evento em
9 dias
14 nov
-
17 nov
R
GP de Abu Dhabi
28 nov
-
01 dez
Próximo evento em
37 dias

Para Button, estratégia diferenciada era a única chance da McLaren

compartilhar
comentários
Para Button, estratégia diferenciada era a única chance da McLaren
14 de abr de 2013 08:38

Equipe foi a única a fazer apenas duas paradas, com seus dois carros. Tática funcionou para Button, que foi o quinto

Jenson Button conduz sua McLaren em Xangai

De todos os carros que completaram a prova, apenas dois fizeram menos de três paradas: as duas McLaren, de Jenson Button e Sergio Pérez que foram aos boxes apenas duas vezes. Segundo o inglês, quinto colocado hoje, essa era a única maneira de tentar competir com os adversários mais fortes.

“Não éramos rápidos o suficiente para adotar três paradas como os outros, então tivemos que dar mais voltas com os pneus e fazer duas paradas apenas. Essa era a nossa melhor estratégia”, garantiu Button. “Para fazer essa estratégia funcionar, tive que deixar sempre os outros passarem por mim, para proteger os pneus. Se eu fosse para a briga, eles iriam acabar rapidamente”, explicou.

“Não é a melhor maneira de correr, mas conseguimos 10 pontos. Temos muito trabalho pela frente ainda, mas há muita coisa positiva para retirarmos desse final de semana”, concluiu.

A mesma estratégia não funcionou tão bem para Sergio Pérez, que chegou na 11º posição, ficando sem pontuar. “Foi um dia difícil para mim, há muito o que aprender. Não foi o meu melhor fim de semana em termos de ritmo e tenho muito trabalho a fazer. Parabéns ao Button, que fez uma grande corrida e fez a estratégia funcionar. Para mim parecia que iria funcionar no começo, mas tive muito problema com degradação”, explicou o mexicano.
 

Próximo artigo
Hamilton cobra melhora do ritmo de corrida da Mercedes

Artigo anterior

Hamilton cobra melhora do ritmo de corrida da Mercedes

Próximo artigo

Hulkenberg lamenta perda de ritmo no final da prova

Hulkenberg lamenta perda de ritmo no final da prova
Carregar comentários