Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
23 dias
06 mai
Próximo evento em
65 dias
20 mai
Próximo evento em
79 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
93 dias
10 jun
Próximo evento em
100 dias
24 jun
Próximo evento em
114 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
121 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
135 dias
29 jul
Próximo evento em
149 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
177 dias
02 set
Próximo evento em
184 dias
09 set
Próximo evento em
191 dias
23 set
Próximo evento em
205 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
212 dias
07 out
Próximo evento em
219 dias
21 out
Próximo evento em
233 dias
28 out
Próximo evento em
240 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
276 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
285 dias

Para Eddie Jordan, Barrichello deveria desistir de vez da F-1

Primeiro chefe do brasileiro na categoria fala em carreira "inacreditável", mas não acredita em retorno

compartilhar
comentários
Para Eddie Jordan, Barrichello deveria desistir de vez da F-1
Barrichello quando corria pela Jordan

Rubens Barrichello ganhou um “empurrãozinho” do ex-chefe Eddie Jordan para desistir de vez da F-1. O atual comentarista da TV britânica afirmou que a carreira do brasileiro foi “inacreditável”, mas que chegou o momento de seguir em frente.

Sem contrato para esta temporada após 19 anos na categoria, Barrichello não descarta um retorno à F-1 caso receba alguma proposta.

"Eu amo o Rubens. Temos uma história juntos desde que ele tinha 19 anos de idade. Adoro a família dele, adoro os pais dele, mas acho que ele deveria se aposentar com dignidade", avaliou Jordan em entrevista ao Terra.

Jordan foi o primeiro chefe de equipe a dar uma chance ao brasileiro, ainda no início dos anos 1990, pela equipe que levava seu nome.

"O que eu penso é que o Rubens teve uma carreira inacreditável. Ele deveria estar feliz de deixar a Fórmula 1 com uma história tão impressionante. Eu gostaria que ele parasse", afirmou.

Perguntado se acredita em um retorno do brasileiro, o irlandês se limitou a dizer: “sem chance”.

Rival de Barrichello nas pistas, o ex-piloto David Coulthard, que se aposentou ao final de 2008 e hoje também é comentarista, segue a mesma linha.

"Evidente que depois de 19 temporadas, as oportunidades para ele na Fórmula 1 se acabariam. Mas eu desejo ao Rubens muita sorte nos Estados Unidos. Tivemos ótimo relacionamento durante toda a minha carreira e espero que ele tenha sucesso porque é apaixonado por automobilismo", declarou.

Alguersuari desabafa sobre saída da Toro Rosso

Artigo anterior

Alguersuari desabafa sobre saída da Toro Rosso

Próximo artigo

Raikkonen lidera primeira manhã de treinos em Jerez

Raikkonen lidera primeira manhã de treinos em Jerez
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Rubens Barrichello
Autor Julianne Cerasoli