Pérez diz que “houve progresso” em negociações para futuro na F1

compartilhar
comentários
Pérez diz que “houve progresso” em negociações para futuro na F1
Por:
, Editor

Piloto mexicano quer continuar na categoria e pode correr na Haas ou Alfa Romeo em 2021

Sergio Pérez diz que houve algum progresso nas negociações sobre seu futuro na Fórmula 1, mas que não tem pressa em fechar um acordo para a temporada de 2021.

O mexicano perdeu seu lugar na F1 desde que a Racing Point optou por acionar uma cláusula de rescisão em seu contrato no final do ano, abrindo espaço para o tetracampeão mundial Sebastian Vettel.

Leia também:

Pérez não abriu negociações com equipes rivais antes da decisão de Racing Point ser finalizada, tendo dito que manteria seu assento, mas agora está em discussões para permanecer no grid.

Haas e Alfa Romeo são os únicos pontos de aterrissagem realistas para Pérez em 2021, sem nenhuma das equipes ainda tendo definido suas duplas para o próximo ano.

O mexicano enfatizou que só quer se comprometer com um projeto que ofereça algum potencial de longo prazo com as mudanças nos regulamentos em 2022.

Questionado após o GP da Rússia, onde as negociações estavam, Pérez disse que houve algum progresso, mas não antecipou uma resolução rápida para as negociações.

“Não há nada assinado ainda”, disse Pérez. “Mas, definitivamente, houve algum progresso, então veremos nas próximas semanas.”

“Como eu disse antes, acho que nesta fase ninguém está com pressa, nem as equipes, nem eu. Então vamos esperar. Há um longo caminho a percorrer.”

Pérez disse na preparação para o fim de semana da corrida de Sochi que achava que saberia onde estaria uma “opção realista” dentro de uma semana.

A Haas está atualmente avaliando uma lista de cerca de 10 nomes para seus dois assentos em 2021, incluindo os atuais pilotos Romain Grosjean e Kevin Magnussen.

Apesar do forte histórico de Pérez na F1 e de seu apoio financeiro, o chefe da Haas, Gunther Steiner, disse que Pérez não era uma "escolha óbvia".

A Alfa Romeo ainda não tomou uma decisão final sobre seus dois assentos para 2021, com um retorno a Hinwil também sendo uma opção potencial para Pérez. Caso Perez não permaneça na F1, a McLaren confirmou seu interesse em contratá-lo para a equipe de Indy no próximo ano.

Racing Point RP20 (Temporada 2020)
Racing Point-BWT Mercedes RP20
Motor: Mercedes
Combustível: Petronas
Pneus: Pirelli

Pilotos:

11 - Sergio Pérez

18 - Lance Stroll

Entenda como Lawrence Stroll passou de 'papai de piloto pagante' a homem-forte na Fórmula 1

PODCAST: Kimi Raikkonen, 'apenas' um grande personagem ou um verdadeiro campeão?

 

Barrichello revela mudança de conduta da FIA sobre recorde de corridas dele com o de Raikkonen

Artigo anterior

Barrichello revela mudança de conduta da FIA sobre recorde de corridas dele com o de Raikkonen

Próximo artigo

Alonso defende Hamilton: "Não ganha sete títulos por sorte ou pelo melhor carro. Tem algo a mais"

Alonso defende Hamilton: "Não ganha sete títulos por sorte ou pelo melhor carro. Tem algo a mais"
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Luke Smith