Fórmula 1
10 out
-
13 out
Evento encerrado
24 out
-
27 out
Evento encerrado
01 nov
-
03 nov
Evento encerrado
14 nov
-
17 nov
Evento encerrado
28 nov
-
01 dez
Evento encerrado

Philip Morris não se incomoda com investigação sobre patrocínio da Ferrari

compartilhar
comentários
Philip Morris não se incomoda com investigação sobre patrocínio da Ferrari
Por:
Co-autor: Jonathan Noble
9 de fev de 2019 13:01

Marca utilizada no carro e site da Ferrari está sendo analisada por suposta propaganda de tabaco

A principal patrocinadora da Ferrari, Philip Morris, está convencida de que sua iniciativa, a Mission Winnow, está em total conformidade com as leis de propaganda de tabaco, apesar de uma investigação na Austrália sobre o assunto.

A marca foi lançada no GP do Japão do ano passado e representa um novo impulso científico e tecnológico da Philip Morris na tentativa de afastar seus negócios da dependência dos produtos de tabaco.

Mas o formato do logotipo gerou acusações de que é semelhante ao símbolo de Marlboro.

A mídia australiana informou no começo da semana que o Departamento de Saúde da Austrália e o Departamento de Saúde e Serviços Humanos de Victoria estariam investigando se o apoio da Ferrari estaria violando as proibições de publicidade de tabaco.

A Autoridade Australiana de Comunicações e Mídia também lançou uma investigação separada, depois que emissoras de televisão locais transmitiram o GP do Japão de 2018 com a Mission Winnow nos carros da Ferrari.

O diretor internacional de comunicação global da Philip Morris, Tommaso di Giovanni, disse ao Motorsport.com que está confiante de que sua empresa está em total conformidade com as leis de propaganda de tabaco e diz que está discutindo o assunto com os chefes do GP da Austrália.

"A iniciativa, os símbolos e logotipos usados no carro da Ferrari e no site estão em conformidade com as leis que se aplicam às nossas atividades na Austrália e no Estado de Victoria", disse di Giovanni.

Ele acrescentou: “Estamos cientes do debate na Austrália e estamos trabalhando com os organizadores do GP local para entender as preocupações das autoridades e dar a eles uma resposta.

"A Mission Winnow não anuncia ou promove os produtos ou marcas de produtos da nossa empresa. Pelo contrário, é projetada para falar sobre nosso compromisso de melhorar a nós mesmos em tudo o que fazemos.”

“Mission Winnow é uma janela para a nova Philip Morris International e nossos parceiros, para o nosso compromisso e os estímulos que nos impulsionam para melhorar e evoluir. E contribuir para o progresso da sociedade.”

Nem todo mundo está tão feliz com a situação da Mission Winnow, e o ativista antifumo John Cunningham, que reclamou da nova marca para as autoridades, disse ao jornal The Age que estava certo sobre o que estava por trás da situação.

"Este site realmente deixa muito mais claro o que eles estão tentando alcançar, e em que tipo de negócio eles estão", disse Cunningham.

"Não tem nada a ver com os carros de F1, com certeza. As empresas de tabaco finalmente admitem que seu único meio de sobrevivência financeira é atrair pessoas viciadas em nicotina, e vão gastar dinheiro em pesquisas sobre como fazer isso de maneira mais eficaz, não para o benefício de seus clientes viciados, mas para o benefício de seus lucros e acionistas."

Galeria
Lista

Ferrari SF71H

Ferrari SF71H
1/5

Foto de: Simon Galloway / Motorsport Images

Kimi Raikkonen, Ferrari and Sebastian Vettel, Ferrari unveil the new Ferrari SF71H livery

Kimi Raikkonen, Ferrari and Sebastian Vettel, Ferrari unveil the new Ferrari SF71H livery
2/5

Foto de: Manuel Goria / Motorsport Images

Rubens Barrichello, Ferrari, Michael Schumacher, Ferrari

Rubens Barrichello, Ferrari, Michael Schumacher, Ferrari
3/5

Foto de: LAT Images

Charles Leclerc, Ferrari SF71H

Charles Leclerc, Ferrari SF71H
4/5

Foto de: Jean Petin / Motorsport Images

Michael Schumacher, Ferrari F1-2000

Michael Schumacher, Ferrari F1-2000
5/5

Foto de: Sutton Motorsport Images

Próximo artigo
Patrocinador: Haas é superior a rivais diretos em muitos quesitos

Artigo anterior

Patrocinador: Haas é superior a rivais diretos em muitos quesitos

Próximo artigo

Ocon diz que ficará “profundamente decepcionado” se não voltar à F1 em 2020

Ocon diz que ficará “profundamente decepcionado” se não voltar à F1 em 2020
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Equipes Scuderia Ferrari
Autor Gabriele Testi