Fórmula 1
02 jul
-
05 jul
Evento encerrado
09 jul
-
12 jul
Evento em andamento . . .
16 jul
-
19 jul
Próximo evento em
6 dias
R
GP de 70º aniversário
06 ago
-
09 ago
Próximo evento em
27 dias
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
48 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
55 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Canceled
24 set
-
27 set
Próximo evento em
76 dias
08 out
-
11 out
Canceled
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
104 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
111 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
125 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
139 dias

Relembre 11 corridas em que o vencedor ficou em segundo plano

compartilhar
comentários
Relembre 11 corridas em que o vencedor ficou em segundo plano
31 de mai de 2020 14:08

Confira as ocasiões em que o vencedor de uma corrida foi mero detalhe por causa da história de outros protagonistas

O sonho de vencer uma corrida na Fórmula 1 está no topo dos pensamentos de 10 entre 10 pilotos que iniciam suas carreiras. Mas, em algumas ocasiões, o reconhecimento dos fãs e da mídia não vem como o esperado, por causa de alguma história paralela durante o fim de semana.

O Motorsport.com selecionou 11 casos em que o vencedor de uma prova na F1 foi mero detalhe, confira:

Leia também:

Galeria
Lista

Bélgica, 1991

Bélgica, 1991
1/22

Foto de: Rainer W. Schlegelmilch

Pelo menos na Alemanha, todos os fãs devem se lembrar da corrida que ocorreu na Bélgica em 25 de agosto de 1991. Essa foi a estreia de Michael Schumacher na Fórmula 1, embora ele tenha abandonado logo após a largada. E quem ganhou?

Bélgica, 1991

Bélgica, 1991
2/22

Foto de: Ercole Colombo

Em caso de dúvida, o truque é mencionar o campeão mundial daquele ano. Ayrton Senna teve sua sexta vitória (em 11 corridas) da temporada. Assim como Schumi, o brasileiro também sofreu um problema técnico. No entanto, ele conseguiu levar sua McLaren até o fim.

Alemanha 1976

Alemanha 1976
3/22

Foto de: LAT Images

Esta corrida entrou para a história da F1 por razões completamente negativas. Usando a palavra-chave "Nordschleife", cada fã se lembra do grave acidente de Niki Lauda (incluindo incêndio). A corrida parou, mas depois recomeçou.

Alemanha 1976

Alemanha 1976
4/22

Foto de: Sutton Motorsport Images

Aqui também é útil pensar no campeão mundial daquele ano. James Hunt conquistou o título um ponto à frente de Lauda no final da temporada e naquele dia comemorou sua terceira vitória, das seis que alcançou naquele ano. Quase ninguém se lembra disso, e as imagens que se seguem na cabeça de todos são outras.

Turquia 2010

Turquia 2010
5/22

Foto de: LAT Images

Saltamos para uma era mais atual e lembramos do acidente entre Sebastian Vettel e Mark Webber. Os dois pilotos da Red Bull se encontraram na Turquia quando ficaram em primeiro e segundo. Quem herdou a vitória?

Turquia 2010

Turquia 2010
6/22

Foto de: Sutton Motorsport Images

Lewis Hamilton venceu, à frente do companheiro de equipe Jenson Button. Eles também tiveram momentos de tensão, mas, diferentemente da Red Bull, eles não colidiram. Além disso, quase ninguém sabe que Webber conseguiu ser o terceiro.

Japão 1989

Japão 1989
7/22

Foto de: Sutton Motorsport Images

O acidente mais famoso entre companheiros de equipe. Alain Prost e Ayrton Senna foram responsáveis ​​por uma das cenas mais lendárias da história da F1. Senna conseguiu continuar, mas depois foi desclassificado e o controverso título foi para Prost. E a vitória nessa corrida?

Japão 1989

Japão 1989
8/22

Foto de: LAT Images

O grande vencedor foi Alessandro Nannini. O italiano alcançou sua primeira e única vitória na F1, após o fiasco da McLaren. Foi a primeira vitória da Benetton desde 1986. Curiosidade: um ano depois, o confronto Prost/Senna se repetia...

Japão 1990

Japão 1990
9/22

Foto de: LAT Images

Novamente, Senna e Prost (já na Ferrari) bateram, desta vez no início. No entanto, em contraste com o ano anterior, e com o abandono de ambos, Senna foi campeão mundial. Mas a pergunta continua a mesma: quem venceu no Japão no final?

Japão 1990

Japão 1990
10/22

Foto de: LAT Images

Deu Benetton de novo. Nelson Piquet e Roberto Moreno fizeram a dobradinha brasileira e da equipe. Foi o único pódio de Moreno, bem como para Aguri Suzuki, que ficou em terceiro, com Lola. As manchetes daquele dia eram outras.

Inglaterra 1999

Inglaterra 1999
11/22

Foto de: Sutton Motorsport Images

Os fãs alemães e de Michael Schumacher ainda se lembram dessa corrida. No início do GP da Inglaterra, Michael Schumacher voou após uma falha no freio e acabou batendo contra a barreira dos pneus. Schumi quebrou uma perna.

Inglaterra 1999

Inglaterra 1999
12/22

Foto de: LAT Images

Mesmo após o acidente , a corrida continuou caótica. Sua rival , Mika Hakkinen, perdeu uma roda após uma parada nos pits e teve que desistir. Seu companheiro de equipe da McLaren, David Coulthard, venceu à frente de Eddie Irvine e Ralf Schumacher.

Canadá 2007

Canadá 2007
13/22

Foto de: Andrew Ferraro / Motorsport Images

Pelo menos visualmente, o acidente de Robert Kubica no Canadá foi ainda mais violento que o de Schumacher em Silverstone, nove anos antes. Kubica perdeu a corrida seguinte.

Canadá 2007

Canadá 2007
14/22

Foto de: Rainer W. Schlegelmilch

O GP do Canadá de 2007 é lembrado principalmente pelo acidente de Kubica, mas a corrida também foi histórica por outro motivo: o mundo da F1 viu a primeira vitória de Lewis Hamilton.

Espanha 1997 (GP da Europa)

Espanha 1997 (GP da Europa)
15/22

Foto de: LAT Photographic

Outra colisão que decidiu título. O toque de Michael Schumacher contra Jacques Villeneuve também figura na história da Fórmula 1. "Schumi" saiu, o canadense o seguiu e venceu o mundial, mas não a corrida.

Espanha 1997 (GP da Europa)

Espanha 1997 (GP da Europa)
16/22

Foto de: Sutton Motorsport Images

Foi Mika Häkkinen quem comemorou sua primeira vitória na F1. O finlandês triunfou à frente do companheiro de equipe, David Coulthard, e a McLaren estabeleceu a hierarquia nos anos seguintes, porque em 1998 e 1999 Hakkinen se tornou bicampeão mundial. Isso ainda é lembrado, mas não tanto o seu primeiro sucesso.

Alemanha 1994

Alemanha 1994
17/22

Foto de: LAT Images

Outra foto para os livros de história. A imagem de Jos Verstappen na Benetton em chamas foi parar mundo a fora. Por esse incêndio, o GP da Alemanha de 1994 é lembrado por todos os fãs da F1. No entanto, poucos sabem quem venceu naquele dia.

Alemanha 1994

Alemanha 1994
18/22

Foto de: LAT Images

Não, não foi Michael Schumacher. O futuro campeão mundial daquele ano teve uma falha no motor. A vitória foi para Gerhard Berger, à frente da Ligier de Olivier Panis e Eric Bernard. Foi a única vitória da temporada de 1994 para a Ferrari e o último pódio duplo na história da Ligier.

Japão 2014

Japão 2014
19/22

Foto de: Andrew Hone / Motorsport Images

O 5 de outubro de 2014, entrou para a história da F1 como um dia negro. Em um violento acidente na chuva, Jules Bianchi sofreu ferimentos muito graves que o faria morrer meses depois.

Japão 2014

Japão 2014
20/22

Foto de: Sutton Motorsport Images

A vitória foi para o campeão mundial Lewis Hamilton. No entanto, não houve alegria no pódio naquele dia. E é provavelmente a única vitória que os ingleses gostariam de remover dos livros de história.

Austrália 1994

Austrália 1994
21/22

Foto de: LAT Images

Qual fã de Fórmula 1 não se lembra do primeiro mundial de Michael Schumacher? Na corrida final da temporada, na Austrália, ele bateu em seu rival, Damon Hill. Ambos ficaram de fora e "Schumi" foi coroado campeão.

Austrália 1994

Austrália 1994
22/22

Foto de: LAT Images

A última vitória da temporada de 1994 foi para Nigel Mansell. Para o campeão de 1992, foi a primeira vitória em mais de dois anos, a primeira desde seu retorno e também a última de sua longa carreira na F1.

Christian Fittipaldi relembra batida com companheiro: "Meu respeito por ele é zero"

PODCAST: Alain Prost: 'apenas' o vilão dos brasileiros ou gênio incompreendido?

 

Próximo artigo
F1 sugere fazer corrida de classificação com grid invertido no segundo GP da Áustria

Artigo anterior

F1 sugere fazer corrida de classificação com grid invertido no segundo GP da Áustria

Próximo artigo

Ecclestone: Vettel quer ir para a Mercedes correr contra Hamilton

Ecclestone: Vettel quer ir para a Mercedes correr contra Hamilton
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1