Ricciardo se vê em desvantagem em relação a pilotos do Q2

Australiano torce para que pneus menos usados dos rivais - incluindo companheiro, em 12º - não faça diferença

Ricciardo se vê em desvantagem em relação a pilotos do Q2
Carregar reprodutor de áudio

Daniel Ricciardo colocou a Toro Rosso pela quinta vez nas últimas seis provas entre os 10 primeiros colocados do grid, mas salientou que, largando em nono, está em posição complicada em relação a quem vem logo atrás, com pneus mais novos. Um deles é seu companheiro Jean-Eric Vergne, 12º no grid.

“Não é fácil aqui e tivemos de trabalhar duro para chegar ao Q3”, disse Ricciardo. “Fiquei desapontado em não conseguir tirar tanto da minha última volta no Q3. Seria legal ter superado Button. Para a corrida, esses caras que ficaram no Q2 têm pneus com menos voltas, então espero que isso não seja um fator importante. Tomara que consigamos chegar nos pontos.”

Seu companheiro, Jean-Eric Vergne, ficou com a 12ª colocação, e lamentou um erro que acredita tê-lo tirado da última parte do treino.

“Acho que era possível ter ido um pouquinho melhor, cometi um pequeno erro na minha volta rápida”, afirmou ao TotalRace. “Os tempos estavam tão próximos que não consegui entrar no Q3, mas fiz um bom trabalho.”

O francês afirmou que espera ter uma corrida melhor do que a classificação, como é comum em sua carreira.

“Acredito que possamos fazer uma boa corrida amanhã e conquistar alguns pontos. Saindo desta posição, tudo é possível na corrida, pois temos um bom carro para condição de prova, estamos trabalhando bem os pneus.”

compartilhar
comentários
McLaren destaca dia razoável em Cingapura
Artigo anterior

McLaren destaca dia razoável em Cingapura

Próximo artigo

Confira o que os pilotos do fim do grid disseram após a classificação

Confira o que os pilotos do fim do grid disseram após a classificação